Vigilância registra mais 443 casos de dengue em Araraquara Vigilância registra mais 443 casos de dengue em Araraquara

Vigilância registra mais 443 casos de dengue em Araraquara

Cidade vive sua segunda maior epidemia da doença, com um total de 16.127 casos confirmados e 17 mortes

Araraquara confirma mais 443 casos de dengue e chega a mais de 16 mil casos no ano (Foto: Pixabay)



Araraquara confirmou mais 443 casos de dengue na última segunda-feira (04) e chega a um total de 16.127 confirmações em 2022.

Foram registrados 152 casos em janeiro, 704 casos em fevereiro, 5.071 em março, 4.865 em abril, 4.154 em maio e 1.181 em junho.

Além disso, o município contabiliza um total de 17 óbitos causados pela dengue. 
   

VEJA TAMBÉM  
 
Araraquara confirma mais 268 casos positivos de covid-19 
 
Amigos realizam campanha para ajudar motociclista de Araraquara


SINTOMAS
Os sintomas de dengue são febre, dor no corpo, dor de cabeça, dor atrás dos olhos e manchas pelo corpo.
No momento em que o paciente procurar o atendimento, ele deve levar RG, Cartão SUS e um comprovante de endereço com CEP.

AÇÃO
Nesta terça-feira (05), oito bairros receberão os serviços da Prefeitura de Araraquara no sentido de combater o mosquito Aedes aegypti e conter a epidemia de dengue na cidade. Os agentes de combate a endemias da Vigilância Epidemiológica realizarão o bloqueio contra criadouros do mosquito nos bairros do Jardim dos Industriários, Jardim Veneza, Jardim Santa Clara, Vila Melhado, Jardim São Rafael e Jardim Indaiá. Já a nebulização passará pelo Jardim Brasília, enquanto o Jardim Santa Júlia receberá o fumacê.

A vistoria é realizada em uma média de 30 mil casas por mês na cidade e em metade delas o trabalho não é concluído por falta de autorização para a entrada, porém vale considerar que 80% dos criadouros de dengue se encontram nas residências, o que torna ainda mais importante a permissão por parte dos moradores.


LEIA MAIS  

Adolescente tem celular roubado em bairro de Araraquara



Mais Notícias

Mais Notícias