Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

Araraquara cai no ranking preliminar do selo verde e azul

Qualidade do ar é um dos fatores que prejudicam Araraquara e que precisam ser melhorados para a cidade conseguir entrar na lista dos 'municípios verdes'

| ACidadeON/Araraquara

Qualidade do ar é um dos fatores que prejudicam Araraquara (Foto: Arquivo/ON)
 
Araraquara caiu no ranking preliminar da avaliação do programa selo verde e azul, que mede a eficiência da gestão ambiental dos municípios. Para ser certificada, a cidade precisa atingir pelo menos 80 pontos e até agora está com 45.  

Os pontos levam em conta desde esgoto tratado, qualidade do ar, até os trabalhos com relação aos resíduos sólidos. 

No ano de 2017, Araraquara perdeu o selo, porém ano passado conseguir reavê-lo com uma pontuação de 80.85 pontos fincando na posição 68 no ranking.  

Neste ano, no relatório preliminar a cidade teve quedas significativas nas diretivas "qualidade do ar" e "município sustentável", por exemplo.  

Segundo a gerente de gestão ambiental e sustentável, Simone Cristina Oliveira, esse relatório preliminar serve para indicar o que o município precisa melhorar e que, para ela, é natural essa pontuação no primeiro semestre. "É uma prévia para mostrar o que precisa ser feito para ser melhorado", diz ela.  

Comparando os dados do relatório final de 2018 com os do relatório preliminar deste ano, observa-se uma grande diferença na pontuação.  

Na categoria de município sustentável, por exemplo, ano passado no relatório final, Araraquara tinha 7.45 pontos e no relatório preliminar desse ano é de 2.07 pontos.  

"Temos uma série de ações que compõe os índices, mas este relatório é importante para sensibilizar todo mundo da importância da questão ambiental", diz Simone Cristina.  

Ranking
Botucatu, que lidera, de forma preliminar tem 92.53 pontos. Os 10 primeiros municípios da lista tem pontuação maior que 80.  

A gerente de gestão ambiental e sustentável finaliza dizendo que o selo não representa apenas um compromisso, que ao aderir o município tem que cumprir metas, mas também é uma forma de ressaltar a importância de se ter medidas para interferir da melhor forma no meio ambiente.


Mais do ACidade ON