Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

Arrecadação com multas de trânsito cresce 82% em dois anos

Somente este ano, foram arrecadados mais de R$ 9,3 milhões em multas por infração de trânsito; Prefeitura alega que o aumento é resultado de fiscalização

| ACidadeON/Araraquara

A arrecadação com multas de trânsito em Araraquara cresceu 82% (Foto: Milton Filho)
*ATUALIZADA ÀS 16:31, 4/12  


A arrecadação de multas de trânsito em Araraquara cresceu 82%, entre 2017 e 2019. O número é do período de janeiro a outubro. Somente este ano, foram arrecadados mais de R$ 9,3 milhões em multas por infração de trânsito.  

A técnica em enfermagem Joice Elaine Durante não passou despercebida ao passar por um radar móvel da Rua Mauricio Galli. "Eu seguia sentido Centro e estava a 60 quilômetros por hora quando fui multada. Paguei a multa, claro, mas achei um absurdo aquela via ser 50 quilômetros por hora", diz ela. 

Já a multa que chegou à casa do aposentado Roberto Fernandes da Silva foi por parar em cima da faixa de pedestre, na Via Expressa. "Coisa de um palmo que passei na faixa, a câmera me pegou e acabei sendo multado", diz ele.  

As multas da Joice e do Roberto estão no bolo da arrecadação do município que cresceu 82%, entre 2017 e 2019, em Araraquara.  

Entre janeiro e outubro de 2017, Araraquara arrecadou R$ 5,1 milhões. Este número saltou para 7,8 milhões no ano passado, e subiu para R$ 9,3 milhões no mesmo período de 2019.  

Em julho, o coordenador de Mobilidade Urbana do município, Nilson Carneiro, anunciou que iria intensificar a fiscalização de radares móveis, passando de 20 vias monitoradas para 68. Na ocasião, o coordenador descartou se tratar de uma indústria da multa.  

Na manhã desta quarta-feira (4), o secretário de Assuntos de Segurança Pública, Coronel João Alberto Nogueira Junior, justificou em entrevista à CBN que o aumento na arrecadação é resultado da ampliação da fiscalização. "A medida adotada pelo município tem o objetivo de reduzir o número de acidentes", finaliza.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON