Aguarde...

cotidiano

Estabelecimentos fecham mais cedo em 1ª noite de restrições

Primeiro dia de fase vermelha noturna tem cumprimento de regras em corredores principais de Araraquara

| ACidadeON/Araraquara

 

Estabelecimentos em corredores principais fecharam mais cedo nesta segunda (25) (Foto: ACidade ON)

A primeira noite de restrições impostas pela fase vermelha noturna, que vai das 20 às 6 horas, teve estabelecimentos cumprindo e fechando mais cedo em Araraquara.  

Em um breve giro pela cidade, nesta segunda-feira (25), a reportagem encontrou restaurantes e bares abertos, porém, sendo fechados no horário determinado em decreto.   

LEIA TAMBÉM 

Comerciantes protestam contra fechamento de bares e restaurantes  

Edinho pede união em momento de agravamento da pandemia

Reunião na Prefeitura deve discutir futuro de bares na cidade

A cidade de Araraquara foi reclassificada para a fase laranja do Plano São Paulo. Com isso, bares não podem atender presencialmente, a não ser quando possuem alvará para restaurante ou outras atividades permitidas.  

Além disso, há redução no período de atendimento presencial, limitado a oito horas diárias e das 6 às 20 horas. Depois disso a cidade entra na fase vermelha, onde só é permitido serviços essenciais, como por exemplo, farmácias.  

ONDE DENUNCIAR IRREGULARIDADES: 

Ouvidoria Geral do Município: 156; 

Guarda Municipal: 153; 

Procon: (16) 3301-3131; 

Procon (Whatsapp): (16) 99701 0120.

CONFIRA COMO SÃO AS REGRAS:

COMÉRCIO
- atendimento reduzido a 40% (quarenta por cento) da capacidade total de pessoas;
- horário de atendimento por até 8 (oito) horas, entre as 6:00h (seis horas) e as 20:00h (vinte horas), de segunda à sexta-feira, exclusivamente;

SHOPPING CENTER E GALERIAS
- atendimento reduzido a 40% (quarenta por cento) da capacidade total de pessoas;
- horário de atendimento por até 8 (oito) horas, entre as 6:00h (seis horas) e as 20:00h (vinte horas), de segunda à sexta-feira, exclusivamente;
- admitido somente o funcionamento de restaurantes, nas praças de alimentação, vedado o funcionamento de bares;

RESTAURANTES (CONSUMO PRESENCIAL)
- atendimento reduzido a 40% (quarenta por cento) da capacidade total de pessoas;
- horário de atendimento por até 8 (oito) horas, entre as 6:00h (seis horas) e as 20:00h (vinte horas), de segunda à sexta-feira, exclusivamente;
- os consumidores devem exclusivamente serem atendidos sentados às mesas, dispostas a no mínimo 2m (dois metros) uma da outra, ou sentados aos balcões, respeitada a distância mínima de 1,5m (um metro e meio) entre consumidores;

SALÕES DE BELEZA E BARBEARIAS
- atendimento reduzido a 40% (quarenta por cento) da capacidade total de pessoas;
- horário de atendimento por até 8 (oito) horas, entre as 6:00h (seis horas) e as 20:00h (vinte horas), de segunda à sexta-feira, exclusivamente;
- presença de no máximo 1 (um) consumidor por sala ou 1 (um) cliente a cada 4m² (quatro metros quadrados) do salão de beleza ou da barbearia, devendo ser observada uma distância mínima de 2m (dois metros) entre cada consumidor;

ACADEMIAS
- atendimento reduzido a 40% (quarenta por cento) da capacidade total de pessoas;
- horário de atendimento por até 8 (oito) horas, entre as 6:00h (seis horas) e as 20:00h (vinte horas), de segunda à sexta-feira, exclusivamente;
- atendimento presencial condicionado ao prévio agendamento pelos consumidores ou alunos interessados, por meio dos canais de atendimento do estabelecimento;
- permissão apenas de aulas e práticas individuais, suspensas as aulas e práticas em grupo;
- presença de no máximo 1 (um) aluno a cada 4m² (quatro metros quadrados) do estabelecimento, devendo ser observada a distância mínima de 2m (dois metros) entre cada aluno;

EVENTOS E ATIVIDADES CULTURAIS (QUE NÃO ENVOLVA FORNECIMENTO DE ALIMENTOS
- atendimento reduzido a 40% (quarenta por cento) da capacidade total de pessoas, devendo todas estarem sentadas;
- horário de atendimento por até 8 (oito) horas, entre as 6:00h (seis horas) e as 20:00h (vinte horas), de segunda à sexta-feira, exclusivamente;
- obrigação de controle de acesso aos recintos, com hora marcada e assentos marcados;
- assentos e filas respeitando distanciamento mínimo, devendo haver a alternância entre poltronas ocupadas e vazias, no mínimo; e - proibição de atividades com público em pé. 



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON