Aguarde...

cotidiano

'Fome se combate todo dia, sem humilhar pessoas', diz Edinho

Prefeito de Araraquara usa redes sociais para comentar ação realizada pelo Ceagesp na cidade

| ACidadeON/Araraquara

Edinho Silva (PT) usou redes sociais para comentar ação social realizada na cidade (Foto: Reprodução Redes Sociais)
 

O prefeito de Araraquara, Edinho Silva (PT), usou as redes sociais para comentar a ação realizada pela Companhia de Entrepostos e Amazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp). 

Durante toda essa quinta-feira (29) milhares de pessoas receberam kits com hortifrútis na central de distribuição do órgão, localizado na Vila Xavier, região Leste da cidade. 

A organização estima que 20 mil pessoas receberam alimentos, além de entidades assistenciais e outros dois municípios próximos: Rincão e Descalvado.  

LEIA TAMBÉM 

20 mil pessoas recebem kits de hortifrútis em ação do Ceagesp 

Duas mil pessoas fazem fila para retirada de alimentos em Araraquara

Segundo o chefe do Executivo, a ação é elogiável, porém, considera que a fome deve ser combatida diariamente pelo poder público com ações e programas sociais. 

"É elogiável, mas o que quero dizer é que Araraquara faz combate à fome com políticas instituídas, atendendo nossa população que mais precisa", afirma. 

"Isso é feito todos os dias, não durante um dia para viralizar imagens, muitas vezes que não refletem a verdade", completa.  

Centenas de pessoas aguardam distribuição de alimentos no Ceagesp (Foto: Milton Filho/CBN Araraquara)

Silva ressalta que as ações promovidas pela Prefeitura não pensam apenas na distribuição de alimentos, mas no fortalecimento familiar. 

"Isso acontece sem humilhar ninguém, sem as pessoas dormirem em filas, ficarem horas debaixo do Sol sem água. Os alimentos distribuídos hoje poderiam chegar às mesmas famílias utilizando as redes existentes", diz. 

O prefeito de Araraquara apresentou ainda números da distribuição de alimentos feita pela administração municipal durante o ano passado e este ano. 

Segundo ele, em 2020 foram distribuídas 250 mil toneladas de hortifrúti para 55 mil famílias. Em 2021, segundo Silva, foram distribuídas 173 mil cestas para 22 mil famílias.  

Ação aconteceu, nesta quinta-feira (29), no Ceagesp (Foto: Luiza Boareto/CBN Araraquara)

Outra observação feita por Edinho Silva está relacionada à "disputa" entre a preservação de vidas e economia. Em sua avaliação, essa é uma falsa polêmica. 

"É mentira essa contradição que todo dia é estimulada, entre a vida e a economia. Não existe. A estabilidade só existirá quando tivermos controle sobre a pandemia", defende. 

"Se estamos vivendo instabilidade econômica, é porque não se tomou as medidas necessárias para que o Brasil vacinasse muito mais do que está vacinando", completa.  

VEJA VÍDEO DA AÇÃO REALIZADA NO CEAGESP DE ARARAQUARA: 


Ao fim de sua fala, que durou cerca de 10 minutos, o prefeito de Araraquara lamentou o que considera "politizar o sofrimento" das pessoas em meio à pandemia. 

"É um desastre, porque a fome é consequência de uma crise econômica, de uma economia que está derretendo, do desemprego e vulnerabilidade das famílias. O que gera fome é omissão, pouco caso e não valorização da ciência", finaliza.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON