Publicidade

cotidiano

Valetas em obra parada causam transtornos no Jardim Tamoio

População do bairro diz que chuvas arrastam terra para dentro das casas; Prefeitura diz que obra parou por causa de casos de covid

| ACidadeON/Araraquara -

Moradores do Tamoio dizem que a água das chuvas arrasta a terra da valeta para dentro de suas casas (Foto: Fernando Baldassari/CBN Araraquara)
  


 

Moradores do Jardim Tamoio, em Araraquara, reclamam da situação das obras na praça do bairro, que teria valetas abertas causando transtornos quando chove. Segundo as denúncias, a água desce e arrasta terra e lama para dentro das casas. 

"Tem um piscinão aqui, mas ele já está velho, coberto de terra e folhas. Agora abriram uma valeta para passar a fiação, só que ficou aberta, e quando chove bastante a minha casa é a mais prejudicada", contou o morador Gonçalves Ciumini, em entrevista à Rádio CBN Araraquara. 

Ele disse que na última quarta-feira (19), quando choveu bastante no início da noite em Araraquara, ele teve que ficar na porta da sua casa com uma vassoura e um rodinho, para evitar que a lama tomasse conta de sua residência. 

"Estava entrando água pra dentro de casa. Não tem condições, alguém tem que tomar uma atitude, não pode ficar assim", pediu o morador do bairro. 

Caio Amaral, que também mora no Jardim Tamoio, reforçou que existem valetas no local causando perturbação para as pessoas que vivem na região. 

"Não termina nunca essa obra. A prefeitura vem, abre buraco, deixa buraco, e quando chove desce uma enxurrada de terra e inunda todas as casas da vizinhança", denunciou. 

PREFEITURA 

Em nota, a Secretaria de Obras e Serviços Públicos informou que a empresa responsável pela obra precisou paralisar o serviço, pois apresentou muitos casos confirmados de covid-19 em seu quadro de funcionários. 

Além disso, a Prefeitura alegou que já notificou a empresa e solicitou mais informações quanto à continuidade da obra. 

Com relação aos incômodos causados pela chuva, o setor da Prefeitura disse que vai verificar o que pode ser feito no local para evitar o acúmulo de terra em frente às residências.

Mais notícias


Publicidade