Publicidade

cotidiano

Pelas mãos de voluntários, tapetes ganham forma em Matão

Cerca 500 pessoas se dedicam aos preparativos; este ano a festa que completa 74 edições espera cerca de 30 mil visitantes

| ACidadeON/Araraquara -

Desde a década de 1980, o vendedor, José Ricardo, trabalha na montagem dos tapetes em Matão (Foto: CBN Araraquara)
 

Desde a madrugada desta quinta-feira (16), voluntários trabalham na confecção dos tradicionais tapetes de Corpus Christi, em Matão. O evento voltou a acontecer após dois anos. 

Os organizadores estimam que 500 pessoas se dedicam aos preparativos. Ao todo, 12 quarteirões serão decorados. Do alto, os tapetes irão formar uma enorme cruz aos pés da Igreja Matriz do Senhor Bom Jesus.

Este ano a festa que completa 74 anos espera cerca de 30 mil visitantes. Além da parte religiosa, a secretaria municipal de Cultura também preparou programação cultural, com shows antes e durante a montagem.  

 
VEJA TAMBÉM  
Matão entra na contagem regressiva para volta do Corpus Christi
Araraquara faz plantão de vacinação neste feriado; saiba onde


O vendedor, José Ricardo, chegou às 4h30 e trabalhando em um tapete que tem aproximadamente 100 metros. 

Voluntário desde a década de 1980, ele lembrou que toda comunidade é convidada a participar. "A gente sempre está envolvido. É muito legal, é uma reunião da comunidade", disse. 

A catequista Tais Aparecida Alves da Silva levou o filho, o afilhado e o sobrinho para ajudar na confecção dos tapetes. A família chegou às 6h. 

Ela destacou a emoção de poder participar e de ver a tradição passar por gerações. "Todo ano a gente espera por este momento. Está muito emocionante. São as memórias que vamos construindo aos poucos", falou.  


A professora aposentada, Maria Ângela da Silva Galli, celebrou o retorno da festa depois de dois anos. Ele também chegou às 6h. 

"Fazemos pra Jesus, enfeitamos a rua com a Legião de Maria", disse. "A gente não vê a hora, levanta cedinho e vem com disposição. É muito bom", completou a aposentada que há 10 anos colabora na montagem dos tapetes. 

Além dos mais experientes, tem que ainda está começando. É o caso da Ana Luiza, de 9 anos. "É minha primeira vez e eu gostei muito", disse.
 
LEIA MAIS 
Dengue: Araraquara registrou 13.271 casos até o momento

Publicidade