Publicidade

cotidiano

"Não foram desviadas", diz secretária de Araraquara sobre máscaras

Proteção foi encontrada em um terreno no Jardim Imperador em bom estado e dentro do prazo de validade; prefeitura abriu sindicância

| ACidadeON/Araraquara -

 

Máscaras jogadas em terreno de Araraquara estavam sem uso; Secretaria de Educação apura ( Foto: Reprodução/redes sociais)

As máscaras cirúrgicas descartadas irregularmente em um terreno baldio, no Jardim Imperador, na zona norte de Araraquara, não foram desviadas. A afirmação é da secretária municipal de Educação, Clélia Mara Santos, em resposta a requerimento do vereador Marchese da Rádio (Patriota). 

Segundo ela, todas as máscaras que saíram do setor de suprimentos da gerência de Transporte Escolar, Suprimentos e Almoxarifados e foram entregues "em seu destino final e atestado o seu recebimento pela unidade escolar, não sofrendo desvios na entrega". 

As máscaras foram encontradas em bom estado e dentro do prazo de validade. A proteção foi adquirida para uso da rede municipal da educação e estavam armazenadas no Núcleo de Gestão de Suprimentos, Almoxarifado e Transportes de Araraquara (NGSAT).  

  
VEJA TAMBÉM 
Descarte irregular de máscaras em Araraquara será investigado
Uso de máscara volta a ser obrigatório em Araraquara


Na ocasião, a secretaria municipal da Educação afirmou que abriria sindicância para apurar o caso. A prefeitura informou que iria apurar os fatos, a autoria e as responsabilidades. Até o momento, nenhum responsável foi apontado.

"A Secretaria já solicitou apoio do setor de inteligência da Guarda Municipal para essa apuração, bem como fará levantamento de imagens internas do prédio onde as caixas estavam estocadas", informou a prefeitura por meio de nota. 

Clélia Mara dos Santos justificou que não é possível identificar cada item que é despachado diariamente através de câmeras de segurança. Segundo ela, o controle é feito com recibo em duas vias e com conferência do material no local de entrega, coleta de assinatura do recebedor e retorno do recibo assinado ao setor de suprimentos para conferência do material entregue.  

LEIA MAIS  
Câmara de Araraquara vota contas da prefeitura; Edinho se defende



Publicidade