Aguarde...

cotidiano

Araraquara entra em quarentena para manter população em casa

Comércio será fechado a partir de terça-feira (23) de acordo com decreto do governo do Estado; outros detalhes de como funcionará quarentena em Araraquara ainda serão definidos

| ACidadeON/Araraquara

Quarentena deve manter uma parcela maior da população dentro de casa (Foto: Amanda Rocha)


O prefeito Edinho Silva (PT) anunciou no começo da tarde deste sábado (21) uma quarentena em toda Araraquara, forçando assim a população ficar em casa. O anúncio foi feito pouco depois que o governador João Doria (PSDB) decretou quarentena para os 645 municípios do Estado.
 
Como funcionará o fechamento das empresas e quais as normas para quem ficará aberto será definido logo mais, em uma reunião do Comitê de Contingência do Coronavírus, junto com representantes do comércio, serviços e indústria. 

"Estamos agindo em conformidade com o Governo do Estado, sem incentivar o pânico, ainda neste sábado vamos nos reunir com representantes do comércio, serviços e indústria, junto com o comitê para definir as normas técnicas do fechamento e também do que deverá ficar aberto para atender a população", diz Edinho Silva (PT), em uma transmissão ao vivo pela rede social.

"Não é hora de fazer política, estamos unidos pela saúde das pessoas", diz ele. Edinho diz que o aumento de casos confirmados na região coloca Araraquara em estado de alerta e quanto mais a cidade conseguir conter aglomerações, melhor será.

"Estamos também fazendo um apelo para os empresários que mesmo sem faturar possam manter os empregos. Vamos tomar todas as medidas para que a fome não bata nas casas dos mais necessitados, diante destas restrições de trabalho", reforça.

Até este sábado (21), Araraquara não tem casos confirmados de covid-19, mas 10 casos estão na fila aguardando laudo do instituto Adolfo Lutz.

O que está valendo
O Governo decretou para todo o Estado, a partir de terça-feira (24) até o dia 7 de abril, uma quarentena. Todo os estabelecimentos deverão fechar e somente os serviços essenciais vão funcionar. As transportadoras, armazéns, serviços de transporte público, serviços de call center, pet shop continuam funcionando com as orientações dos sanitaristas.  

O serviço de Segurança Pública, tanto estadual, quanto municipais, continuam funcionando normalmente. Os bancos e lotéricas também continuam abertos. As indústrias devem continuam operando, já que não têm atendimento ao público em geral.

Mais do ACidade ON