Aguarde...

cotidiano

Entenda passo a passo da retomada das atividades em Araraquara

Três novos decretos regulamentam a volta gradual das atividades; supermercados não vão mais fechar promete prefeito

| ACidadeON/Araraquara

Passo a passo da retomada em Araraquara (Foto: Arquivo/Weber Sian/ACidade ON)


A Prefeitura de Araraquara publicou três decretos com plano para a retomada gradual de serviços. A volta das atividades econômicas vai depender ainda das questões sanitárias. 

VEJA COMO VAI FUNCIONAR A RETOMADA

SEXTA-FEIRA (26)

Segue lockdown total onde apenas serviços de saúde podem funcionar, mas com algumas alterações no decreto anterior.
- supermercados, quitandas e açougues podem funcionar fazendo entrega em domicílio;
- supermercados, quitandas e açougues podem funcionar das 6h às 21h em esquema de drive-thrue, mas respeitando filas de no máximo 20 pessoas e com distanciamento social;
- posto de combustível retoma atendimento das 6h às 19h para quem precisa trabalhar. Segundo o decreto: "para os veículos particulares utilizados no deslocamento de trabalhadores autorizados a desempenhar suas funções";
- permite transporte individual como táxi e uber, mas sem transporte coletivo;
- restaurantes e comércio fechado, inclusive delivery é proibido;
- o lockdown segue apenas com serviços de saúde e farmácias funcionando e com restrições de circulação. Segundo o decreto "podem circular pessoas que precisam de socorro médico ou para aquisição de medicamento".
"Os supermercados não vão mais fechar, não precisa correr. Se puder, neste final de semana, ainda não vá, porque os infectologistas dizem que nós precisamos, no mínimo, de dez dias isolamento", diz o prefeito Edinho Silva (PT) durante uma live na noite de quinta-feira (25).

SÁBADO (27)
O lockdown parcial é estendido até terça-feira (2).
-supermercados, quitandas e açougues retomam o atendimento presencial seguindo regras sanitárias e com limite de consumidores. A fila externa de cada estabelecimento deve ter um distanciamento de três metros e limite de 20 pessoas;
- posto de combustível retoma atendimento das 6h às 19h para quem precisa trabalhar. Segundo o decreto: "para os veículos particulares utilizados no deslocamento de trabalhadores autorizados a desempenhar suas funções";
- permite transporte individual como táxi e uber, mas sem transporte coletivo;
- restaurantes e comércio fechado, inclusive delivery é proibido;
- indústrias com 50% da capacidade;
- o lockdown segue apenas com serviços de saúde e farmácias funcionando e com restrições de circulação. 

QUARTA-FEIRA (3)
O lockdown parcial é estendido até terça-feira (9).
-supermercados, quitandas e açougues retomam o atendimento presencial seguindo regras sanitárias e com limite de consumidores. A fila externa de cada estabelecimento deve ter um distanciamento de três metros e limite de 20 pessoas;
- escritórios de advocacia e contabilidade podem trabalhar com 20% da capacidade e respeitando distanciamento e medidas sanitárias;
- construção civil, canteiros de obras podem funcionar com 50% de seus funcionários;
- comércio em geral segue fechado, mas podem funcionar em esquema de delivery, mas de portas fechadas o comércio de: produtos hospitalares, material de construção e auto-peças;
- restaurantes retomam o delivery;
- salões de beleza e barbearias podem atender em domicílio;
- retoma o transporte coletivo;
- retoma atividades físicas de auto rendimento. 

QUARTA-FEIRA (10)
Dependendo das condições epidemiológicas, mais uma etapa da retomada das atividades:
- comércio em geral pode atender em forma de delivery e drive-thrue;
- salões de beleza, clinicas e podem atender com horário marcado e seguindo as regras de sanitização. 

QUARTA-FEIRA (17)

Dependendo das condições epidemiológicas, mais uma etapa da retomada das atividades:
- atendimento presencial de atividades no comércio em geral e feiras;
- atendimento com hora marcada e com restrição de público em academias de ginástica;
- atendimento presencial e com restrição de público em igrejas;
- atendimento presencial e com restrição de público em restaurantes;
- atendimento presencial e com restrição de público em escolas reguladas;
- atendimento presencial em serviços públicos não essenciais.  
 
Fiscalização do lockdown em Araraquara (Foto: Amanda Rocha)

 

FIQUE ATENTO
A fiscalização das atividades fica por conta da força-tarefa composta por guardas municipais, agentes de trânsito, polícia militar, fiscais da vigilância sanitária, epidemiológica e procon. Quem desobedecer as regras pode ser multado.  

A Prefeitura promete divulgar no dia 17 o novo plano para retomar das aulas presenciais na cidade. 

"Todo esse planejamento que fizemos foi conversando com profissionais da saúde, pesquisadores, estudando tudo aquilo que deu certo em outros lugares. Tudo isso vai ser desenvolvido se todos fizerem sua parte, se nós não aglomerarmos, se não voltarmos a ter um crescimento da contaminação, se não voltarmos a ter uma pressão sobre os nossos leitos", diz Edinho Silva.



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON