Aguarde...

cotidiano

Araraquara tem 2ª dia de ocupação de leitos abaixo dos 100%

Secretária municipal de saúde avalia que é precoce afirmar que há mudança no cenário de contaminação, mas números animam

| ACidadeON/Araraquara

Hospital da Solidariedade em Araraquara (Foto: Amanda Rocha)
Depois de quase um mês com 100% de ocupação dos leitos de enfermaria destinados a pacientes com a covid-19, nos hospitais públicos e privados, Araraquara registrou pelo segundo dia consecutivo uma folga nesses percentuais. 

Nesta última quarta-feira (03), a cidade registrou 94% de ocupação dos leitos de enfermaria e 86% nos de UTI.  

Já nesta quinta-feira (04), de acordo com o boletim epidemiológico, o percentual permaneceu o mesmo nas unidades de enfermaria, apenas com uma ligeira alta nas de UTI, que registrou 91%.

Desde o dia 5 de fevereiro, a cidade atendia pacientes além do limite em leitos de enfermaria e desde o dia 15, a situação se agravou com a ocupação de 100% dos leitos de terapia intensiva, que demandam acompanhamento mais constante das equipes médicas, dado o agravamento do quadro clínico do paciente.  

Nesta quinta-feira, um óbito foi registrado, número bem abaixo da média de seis casos diários anotados durante as últimas semanas.

A secretária municipal de saúde, Eliana Honain avaliou que embora os números mostrem uma melhora, ainda é precoce dizer sobre uma mudança no quadro geral epidemiológico de Araraquara.  

No entanto, os números são animadores. A média de confirmações de amostras, por exemplo, caiu de 45% na semana passada para 23%. 

A manutenção desse número é importante para uma mudança real no cenário da pandemia em Araraquara.

"Esse número ainda é muito precoce, precisamos manter essa média por conta de uns 10 dias, ou seja, não subir mais do que isso e ter uma variação para baixo, mas já dá um ânimo pra gente porque as medidas que a gente tomou começam a ter um resultado.  Isso é importante porque as pessoas ficaram recluasas e isso mostra como é efetivo essa medida do isolamento social", declara Eliana. 

O aumento de leitos no Hospital de Campanha e na Unidade de Retaguarda do Melhado também influenciaram nos números. Novos leitos devem ser abertos também na Santa Casa de Araraquara.

"Hoje temos poucos pacientes em enfermaria aguardando exame e pretendemos até segunda-feira conseguir mais oito leitos de suporte de respiratórios no hospital de Campanha, 12 de enfermaria e  aguardamos mais equipmanteos para  santa casa de araraquara abrir mais oito leitos de UTI nesse final de semana , com isso vamos melhorando nossos indicadores mas lembrando que se a gente não reduzir a transmissão não há leitos que sejam abertos suficientes para dar conta da demanda. Lembrando que a situação do Estado também é muito complicada". 

Há 23 dias o município registra mortes diárias. São 20 vidas perdidas só neste mês de março,100% a mais do que o registrado no mesmo período do ano passado.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON