Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

Irmãos são presos suspeitos de homicídio em Araraquara

Eles negam qualquer participação no crime advogado tenta revogar a prisão

| ACidadeON/Araraquara


DIG prende irmãos suspeitos de homicídios
Policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) prenderam dois irmãos, na manhã desta sexta-feira (12), suspeitos de assassinarem um jovem de 18 anos, no bairro do Maria Luíza, em setembro do ano passado.  

Na ocasião, Vitor Hugo de Oliveira, de 18 anos, estaria em uma roda de amigos, quando uma moto preta, com dois ocupantes, teria parado e efetuado diversos disparos. Uma das balas atingiu a cabeça de Vitor Hugo, que chegou a ser socorrido até a Santa Casa, mas acabou morrendo quatro dias depois.    
 
 
De acordo com o delegado Fernando Bravo, da DIG, os ocupantes da moto seriam os irmãos de 33 e 38 anos, detidos quando trabalhavam e não resistiram à prisão. "Desde o dia do homicídio nós fizemos várias diligências e conseguimos uma testemunha, que foi muito firme e que reconheceu os dois. Por conta disso, estamos indiciando os irmãos pela morte do jovem", explica Fernando Bravo.

Ainda segundo o delegado, eles foram encaminhados para a Cadeia de Santa Ernestina, em prisão temporária de 30 dias, podendo ser prorrogadas por mais 30, enquanto a DIG segue nas investigações. "Eles apresentaram as versões, vamos verificar todas e realizar novas diligências para poder encerrar o inquérito", ressalta.


DIG prende irmãos suspeitos de homicídios
Defesa
Os jovens negaram qualquer participação no crime, de acordo com o advogado, Humberto Fernandes Canicoba. Eles estariam em outro ponto no momento da morte. "Eles alegam inocência e, inclusive, contam com testemunhas que comprovam esse fato. Agora vamos pleitear a revogação da prisão temporária junto ao juízo da causa e possivelmente com o habeas corpus", explica.  

Resolvidos
O delegado Fernando Bravo afirma ainda que, com essa prisão, todos os 16 homicídios registrados no ano passado foram resolvidos. 
 
Entenda o caso:
 

 Jovem morre baleado na cabeça em Araraquara 
 Jovem baleado no Maria Luíza tem morte cerebral e família decide doar órgãos


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso. Para mais informações, consulte nosso TERMO DE USO"

Facebook

Mais do ACidade ON