Publicidade

cotidiano

Polícia prende suspeitos de espancar homem até a morte

José Marciano foi espancado até a morte, em outubro deste ano, no Jardim Iedda

| ACidadeON/Araraquara -

Crime ocorreu no dia 26 de outubro, no Jardim Iedda (Foto: Colaboração)

Quatro suspeitos de participação na morte do morador José Marciano dos Santos Silva, no Jardim Iedda, foram presos, na última quarta-feira (17), em Araraquara. Os mandados foram cumpridos pela Polícia Militar por determinação da Vara do Júri e das Execuções Penais. 

Os suspeitos têm 18, 19, 33 e 37 anos. Eles tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça, e foram detidos nos bairros do Jardim Iedda, Esplanada e Del Rei. 

Os quatro foram levados ao Plantão Policial e, na sequência, encaminhados para a cadeia de Santa Ernestina, e estão à disposição da Justiça. 

Eles vão responder por homicídio doloso qualificado. Ao todo, seis pessoas se tornaram réus no processo e uma ainda é averiguada.  

ENTENDA O CASO
O crime aconteceu na Rua dos Eletricitários, no Jardim Iedda, no último dia 26 de outubro. José Marciano foi espancado até a morte.
 

A vítima apresentava diversos ferimentos no rosto e cabeça, e afundamento de crânio e face. Próximo ao corpo, policiais encontraram pedaços de madeira, pedra e tijolos. 

De acordo com moradores próximos, ele não tinha residência fixa, era usuário de drogas e bebida alcoólica, e já teria sido agredido dias antes.  

No dia seguinte ao crime, duas pessoas foram presas, mas a Polícia Civil seguiu com as investigações, chegando ao nome dos suspeitos presos nesta quarta (17). 
 
LEIA MAIS  
 
Homem é espancado até a morte no Jardim Iedda

Prefeitura abre sindicância para apurar atendimento prestado à vítima de espancamento

Homem é socorrido após ser agredido a pauladas em Araraquara


Mais notícias


Publicidade