Desemprego aumenta mais uma vez em Araraquara

Agropecuária foi o setor que mais influenciou negativamente os indicadores

    • ACidadeON/Araraquara
    • Da reportagem
Cristiano Pavini
REFORMA PREVIDÊNCIA SOCIAL

 


Apesar da aparente retomada da economia Araraquara ainda patina na geração de empregos. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), em setembro, a cidade registrou o fechamento de 172 postos de trabalho com carteira assinada. No total foram 2.094 admissões e 2.266 demissões.

Segundo a economista Délis Magalhães, do Núcleo de Economia do Sindicato do Comércio Varejista de Araraquara (Sincomercio), o resultado quebrou a expectativa de estabilização do quadro empregatício na cidade.

A Agropecuária foi o setor que mais demitiu, com o fechamento de 153 postos. Os setores de Comércio e Serviços também tiveram resultados negativos, porém, em menor escala: 57 e dez demissões, respectivamente. Enquanto isso, a Indústria gerou 44 novas vagas e a Construção Civil manteve-se praticamente estável, com a abertura de quatro postos no mês.

“A Agropecuária vinha se destacando durante o ano, principalmente devido à safra recorde e às boas condições de exportação dos produtos. Porém, é um setor sazonal e acaba sendo muito afetado pelas quebras de safra ou desequilíbrios no mercado externo”, afirma a economista do Sincomercio. Ela também justifica o desempenho da Agropecuária pela dispensa de trabalhadores temporários a partir de agosto e setembro, após o período de colheita.

Para Délis, as áreas de Comércio e Serviços refletiram a falta de perspectiva de vendas em setembro, mês sem data comemorativa relevante. O desempenho da Indústria, no entanto, indica o aquecimento para as encomendas de final de ano.

“Os segmentos de Comércio e Serviços têm a tendência de aumento do número de contratações nos meses mais próximos ao final do ano, especialmente novembro e dezembro. A Indústria é o setor com maior abertura de vagas em 2017, com um total de 515 postos. De acordo com a balança comercial da cidade, algumas empresas têm se especializado na exportação de bens manufaturados, o que ajudou a garantir um bom resultado”, avalia a economista.

Varejo

O comércio varejista de Araraquara voltou a fechar vagas em setembro, com uma redução de 56 postos. O resultado foi influenciado pelo segmento de Eletrodomésticos, Eletrônicos e Lojas de Departamento. “Com a expansão do comércio digital, muitos consumidores passaram a procurar esses produtos online, sendo um dos segmentos com maior número de vendas pela internet na região. A proximidade com a Black Friday, em novembro, também faz com que muitos clientes esperem a data, com grande apelo para esse ramo”, justifica Délis Magalhães.

Em números absolutos, os setores de Supermercados e Concessionárias de Veículos também influenciaram negativamente o resultado do mês. Os únicos segmentos com aumento nos postos foram Farmácias e Perfumarias (3 vagas) e Outras Atividades (9 vagas).
 


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.