Ferroviária perde em casa e se complica na Série D

Jogo na noite de sábado (12) terminou com derrota para o Tubarão-SC e Locomotiva vaiada pela torcida

    • ACidadeON/Araraquara
    • Tom Oliveira

 

A Ferroviária perdeu por 2 a 1 para o Tubarão-SC na Arena da Fonte e se complicou no Brasileirão Série D. Agora, com apenas dois pontos conquistados em 12 disputados, o time de Araraquara precisa torcer por resultados favoráveis dos adversários e somar o máximo de pontos possíveis nas duas últimas rodadas.  

A AFE vai encarar o Cianorte-PR na Arena da Fonte e depois termina a primeira fase contra o Novo Hamburgo-RS fora de casa. Apesar dos quatro jogos sem nenhuma vitória na competição, o treinador PC de Oliveira mantém esperança de classificação. "É difícil, mas a responsabilidade é toda nossa", afirmou o técnico após a derrota deste sábado (12).  

O Tubarão-SC lidera o grupo com 12 pontos e 100% de aproveitamento. Na sequência vem o Cianorte-PR com 4 pontos. Em último aparece o Novo Hamburgo-RS com apenas um ponto. Cianorte e Novo Hamburgo têm um jogo a menos e se enfrentam nesta segunda (14). O resultado desse confronto pode aumentar ou diminuir as esperanças afeanas em avançar na competição nacional.  

No fim, vaias
Vindo de uma sequência negativa, a AFE não conseguiu segurar o líder do grupo. Aos 18 minutos do primeiro tempo, Daniel Pereira cabeceou e abriu o placar para os visitantes. A Locomotiva conseguiu o empate no segundo tempo com o atacante Tom, mas logo na sequência levou o segundo gol. Vinícius Baiano acertou um belo chute e fez o 2 a 1 para o time de Santa Catarina.  

Após o resultado, os mais de mil pagantes vaiaram a equipe. "A insatisfação não é só deles. É de todos nós. A responsabilidade será sempre minha e a cobrança cai sobre mim, o que é compreensível", disse PC de Oliveira. "A derrota não pode tornar a equipe mentalmente fraca. Temos que juntar os cacos e tentar reverter o placar."  

Próximo confronto
A equipe grená entra em campo no próximo sábado (19), às 19 horas, contra o Cianorte na Arena da Fonte.


0 Comentário(s)