Aguarde...

ACidadeON Araraquara

Araraquara
mín. 20ºC máx. 36ºC

esportes

Thiago Neves desequilibra e Timão perde 1º jogo da final

Meia do Cruzeiro mandou bola na trave e foi o autor do único gol da final, que obriga o Corinthians a vencer por dois gols de diferença no jogo da volta

| ACidadeON/Ribeirao

Thiago Neves foi o melhor em campo no jogo de ida da final da Copa do Brasil (Foto: Alessandra Torres / Eleven / Folhapress)
 

A missão do Corinthians foi tentar segurar o Cruzeiro no jogo de ida da final da Copa do Brasil, mas a jornada inspirada de Thiago Neves impediu o sucesso do time de Jair Ventura. O meia marcou o único gol da partidam que ficou 1 a 0 para a Raposa, ontem à noite, no Mineirão.  

O jogo da volta entre paulistas e mineiros acontecerá na próxima quarta-feira (17), às 21h45, na Arena Corinthians. O Alvinegro terá que vencer por dois gols de diferença para ficar com o título de maneira direta. Se vencer por um gol de vantagem, a decisão irá para as penalidades. O Cruzeiro terá o direito de atuar pelo empate para levantar a taça. 

Para este duelo decisivo, o Corinthians não poderá contar com o meio-campista Araos. Já nos acréscimos da partida, o jogador foi expulso por impedir o contra-ataque dos donos da casa. 

O jogo
O Cruzeiro fez valer o fator casa e pressionou o Corinthians no campo de defesa. O time de Jair Ventura se preocupou em fechar os espaços e buscar saídas de contra-ataque, jogando em cima do erro adversário.

Após levantamento feito na área, Léo Santos ganhou a disputa no alto e cabeceou com perigo em direção ao gol defendido por Fábio.

A Raposa seguiu com mais posse de bola e obrigou o goleiro Cássio a trabalhar. Thiago Neves mandou uma bomba da entrada da área e o arqueiro se abaixou para espalmar a bola para longe da área.

Thiago Neves voltou a aparecer bem no ataque e dessa vez teve o gol impedido pela trave. O meia recebeu a bola na entrada da área, bateu em diagonal, Cássio não conseguiu chegar no lance e a bola explodiu no poste direito.

Na sequência, Cássio foi determinante para salvar o Timão. Thiago Neves cruzou a bola na área. Henrique fez o cabeceio e o goleiro mostrou reflexo para fazer grande defesa e manter o placar inalterado no Mineirão.

Na terceira tentativa, Thiago Neves enfim conseguiu balançar a rede. Ele começou a jogada e fez a virada de bola, que encontrou Egídio na ponta esquerda. O lateral alçou a bola na área e Thiago Neves fez o toque de cabeça para o gol. Na trajetória, a bola resvalou em Henrique e tirou o goleiro corintiano de qualquer possibilidade de defesa no lance.

Na etapa complementar, o Corinthians não conseguiu produzir nada no campo ofensivo e Fábio seguiu sem ter nenhum trabalho. Do outro lado, o Cruzeiro se preocupou em ficar com a bola nos pés e as jogadas de bola aérea se tornaram as melhores alternativas. Barcos e Dedé tiveram oportunidades, mas erraram o alvo.

O ritmo da partida caiu muito e mesmo com as alterações feitas pelos dois treinadores ninguém conseguiu mexer mais no placar. Nos acréscimos, só houve tempo para Araos ser expulso por matar um contra-ataque do time mineiro. 

Arte: Gaspar Martins / A Cidade


QUER CONTINUAR LENDO ESTE CONTEÚDO E MUITOS OUTROS? FAÇA SEU LOGIN OU CADASTRE-SE

Informe seu e-mail e senha cadastrados para ter acesso a todo conteúdo do site:

ainda não tem cadastro?
QUER LER ESSE CONTEÚDO? CADASTRE-SE

Informe seu Nome, E-mail e senha para se cadastrar no Acidade ON

Quero ser informado sobre promoções e ofertas do Acidade ON e seus parceiros
Aceito os Termos de Uso do Acidade ON

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook