Com treinador interino, Ferroviária empata com Audax em casa

Jogando na Arena, time de Araraquara computou mais um resultado negativo e segue na lanterna do grupo B

    • ACidadeON/Araraquara
    • Tom Oliveira
Divulgação
Juninho comemora primeiro gol da Ferroviária (Divulgação)

 

Sob olhares do novo técnico PC de Oliveira, a Ferroviária, com o auxiliar técnico Ricardo Moraes no comando, empatou em 1 a 1 com o Audax-SP em partida realizada na Arena da Fonte, em Araraquara, na noite de terça-feira (14).

Mais uma vez jogando em casa, a Ferrinha não conseguiu vencer uma partida no Paulistão. Agora, já são duas derrotas e um empate no Campeonato. Assim, o time de Araraquara se complica mais ainda na tabela e é o lanterna do grupo B, que tem São Paulo, Linense e RB Brasil.

A Ferroviária começou desatenta e com apenas 11minutos de jogo, levou o primeiro gol do Audax-SP. Pedro Carmona arriscou de fora da área, a bola desviou em Luan e enganou o goleiro Matheus.

A Ferrinha demorou a entrar no jogo e a chegar ao ataque. A defesa do Audax-SP conseguia retomar a bola com facilidade. Foi então que a equipe de Ricardo Moraes resolveu adiantar a marcação e pressionar a saída de bola do adversário. Deu certo. O time de Araraquara ficou mais com a bola, mas sem levar perigo ao gol de Felipe Alves.

O homem mais perigoso da Ferroviária no jogo, o meia-atacante Juninho foi o cara do gol de empate. Aos 27 minutos, ele recebeu passe de Alan Mineiro e chutou cruzado para empatar a partida.

No segundo tempo, o técnico da Ferrinha, Ricardo de Moraes, voltou do intervalo com a entrada de Thiago Marques no lugar de Elder Santana. Aos cinco minutos, o centroavante encontrou Juninho, que dominou e bateu forte colocado, mas a bola foi para fora.

Ainda no segundo tempo, o meia Alan Mineiro levou perigo ao gol adversário em duas cobranças de falta. Mas o jogo ficou morno, com poucas chances para cada lado. Nos acréscimos, uma cabeçada de Flávio quase mudou o panorama do jogo a favor da Ferrinha, mas não teve jeito. O jogo terminou empatado.

A Ferroviária terá uma pedreira na próxima rodada para tentar se reerguer no campeonato. Encara o Santos na Vila Belmiro no sábado, dia 18, às 19h30. No banco, já terá o novo treinador, PC de Oliveira.
 


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.