Aguarde...

ACidadeON

Voltar

esportes

Atletismo de Araraquara dobra número de medalhas nos Abertos

Equipe terminou competições com cinco medalhas, frente a duas conquistadas em 2018; no ACD foram 12

| ACidadeON/Araraquara

Equipe de atletismo de Araraquara durante os Jogos Abertos do Interior. (Foto: Divulgação)

A equipe de atletismo de Araraquara dobrou o número de medalhas nos Jogos Abertos do Interior, disputados em Marília, na comparação com a edição do ano passado. No total, foram cinco medalhas, frente a duas conquistadas em 2018. No ACD foram 12 deste ano, contra 11 do ano passado.  

Destaque para a participação de Éder de Souza, ouro nos 110 metros com barreira; Milena Mara, que conquistou o ouro nos 10 mil metros e o bronze no 5 mil; João Barbosa de Jesus, prata no salto com vara e Luis Bacca, bronze no salto triplo, somando assim cinco medalhas.   

LEIA TAMBÉM 

Atletismo garante 12 medalhas no primeiro dia de Jogos Abertos  

Peneiras nos bairros buscam talentos para o atletismo de Araraquara  

Atletismo busca ficar entre os cinco melhores nos Jogos Abertos

Na análise do coordenador da equipe José Rogério Figueira os resultados mostram a união dos atletas e a evolução que vem desde a disputa dos Jogos Regionais do ano passado. Para ele, no atletismo convencional, a melhora foi significativa.  

"O saldo é positivo, pois vemos uma equipe mais unida e os resultados aparecendo. Nos Regionais do ano passado não subimos no pódio, ficamos em quinto e este ano fomos campeões. No ano passado não ficamos nem entre os dez no masculino dos Abertos e este ano ficamos em sexto", explica.  

Essa foi à última competição do calendário oficial da equipe. Agora, o time volta os olhos para o trabalho de base, que vem crescendo a partir do projeto "Vencendo Barreiras", em parceria com o Grupo São Francisco para fortalecer e fomentar a participação de jovens talentos no esporte.  

"O trabalho de base é de médio prazo, mas o importante é estar fortalecendo a equipe, pois eles são o futuro do atletismo araraquarense. Não adianta nada focar na equipe principal sem a base ser observada. É importante a gente sempre ter olhos atentos para a base", finaliza José Rogério.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso. Para mais informações, consulte nosso TERMO DE USO"

Facebook

Mais do ACidade ON