Aguarde...

ACidadeON

Voltar

esportes

Guerreiras brilham e futebol feminino é consagrado em Araraquara

Entre as grandes conquistas estão o título de campeão do Brasileiro e o vice da Copa Libertadores da América

| ACidadeON/Araraquara

Guerreiras brilharam na Copa Libertadores (Foto: Divulgação/Tiago Pavini/AFE)
 
ESPECIAL FUTEBOL FEMININO  

O futebol feminino de Araraquara está brilhando. Em 2019 foram muitas disputas com títulos importantes que levaram o nome das Guerreiras Grenás para o mundo. Entre as grandes conquistas estão o título de campeão do Brasileiro - único clube que venceu duas vezes - e vice da Copa Libertadores. A equipe também ficou entre os quatro melhores do Campeonato Paulista e venceu os Jogos Abertos do Interior e os Jogos Regionais. 
 
"Temos uma equipe muito guerreira que conseguiu se estabelecer muito bem nas disputadas que participou", diz Ana Lorena Marche, coordenadora do futebol feminino da Ferroviária. 
 
 
O sucesso das Guerreiras atraiu os olhos do mundo para Araraquara, que já está sendo considerada o celeiro do futebol feminino. Para celebrar todas as conquistas e fechar este ano, no próximo dia 15, às 18h30, a 'terra da Ferroviária' irá sediar um amistoso da seleção brasileira. Na Arena da Fonte, o Brasil enfrentará o México. É a primeira vez que uma seleção brasileira de futebol (masculina ou feminina) fará uma partida na Morada do Sol. 

Duas atletas da Ferroviária estão na lista de convocadas para a seleção, a goleira Luciana, de 32 anos (que retorna à seleção), e a meia-atacante Aline Milene, de 25 anos (é sua quarta convocação consecutiva). Além delas, também foi convocada a atacante araraquarense Bia Zaneratto, que joga no time de Incheon Hyundai Steel Red Angels, da Coreia do Sul. 
 
Time conquistou o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino (Foto: Arquivo pessoal)

Ano fenomenal
Ana Lorena Marche reforça que o ano de 2019 ficará marcado na história da Ferroviária. "Este ano foi muito especial, superamos todas as expectativas, sabíamos que tínhamos um time competitivo, que chegaríamos no final do Campeonato Paulista, mas conquistamos o Brasileiro e isso foi muito especial", afirma. 

"Depois para consagrar fomos à Libertadores, com um time muito competitivo, enfrentar equipes que tem outras escolas de futebol. Voltamos com o vice e também garantimos a nossa participação no ano que vem, o que é muito importante", diz ela. 
 
Time lutou e conquistou diversas vitórias em 2019 (Foto: Divulgação/Tiago Pavini/AFE)

Base
A coordenadora de futebol ressalta que a Ferroviária tem grande jogadoras e está formando um elenco muito promissor em sua base. 

Para se ter uma ideia, a equipe foi campeã pela primeira vez do Festival Feminino Sub-14, organizado pela Federação Paulista de Futebol, no último final de semana. O título foi conquistado contra a equipe do projeto Meninas em Campo, de Santos. Após empate por 1 a 1, no tempo normal, as Guerreiras Grenás venceram por 5 a 3 nas cobranças de pênaltis. A decisão foi disputada em São Paulo, no estádio Conde Rodolfo Crespi. 

A conquista do time sub-14 se junta às outras marcas deste ano e consagra 2019 como o ano dourado para o futebol feminino em Araraquara.

Mais do ACidade ON