Jovem escritora de Araraquara participa da Bienal do Livro Jovem escritora de Araraquara participa da Bienal do Livro

Jovem escritora de Araraquara participa da Bienal do Livro

Cíntia Alves lançou o seu primeiro livro 'Herdeiros' no importante evento literário; próximo livro deverá ser lançado no segundo semestre

Escritora de Araraquara Cíntia Alves publicou o seu livro 'Herdeiros' na Bienal do Livro (Foto: Arquivo pessoal)

Uma jovem escritora de Araraquara realizou o sonho de participar da Bienal Internacional do Livro de 2022. O evento, que voltou a ser presencial após dois anos de pandemia, começou no último sábado (2) e segue até o dia 10 de julho.

São 182 expositores e cerca de 500 selos editoriais. Entre os autores está Cintia Alves, de Araraquara, de apenas 19 anos. 

O livro da escritora, intitulado 'Herdeiros', foi escrito em apenas três meses e lançado em 21 de julho de 2021. Menos de um ano depois, já recebeu o convite para sua exposição na Bienal.  

VEJA TAMBÉM 

Amigos realizam campanha para ajudar motociclista de Araraquara 

Ator araraquarense participa da série 'Pico da Neblina' da HBO


Cintia Alves participou do segundo dia do evento, e conta que a viagem de Araraquara para São Paulo, começou bem cedo. Para ela, a ficha só caiu na hora de se credenciar como profissional. 

'Apesar da viagem ter sido cansativa, na hora que eu pisei lá e me vi como profissional, pensei Meu Deus, onde o senhor me colocou? Eu nem cogitava isso e foi um sonho além do sonho', contou. 

FAMÍLIA ORGULHOSA
A ajuda da família foi fundamental pra realizar esse sonho: pai, mãe, irmão e cunhada acompanharam a escritora. 

O irmão, Bruno Henrique Alves, de 32 anos, foi quem desenvolveu a arte da capa e contracapa. Para ele, foi uma aventura que valeu a pena. 

'A sensação foi de muito orgulho e emoção, ver a minha irmã mais nova num evento tão importante como esse, ver toda a preparação e o recebimento das pessoas. E toda a aventura que foi levar os livros e colocar no stand, tudo valeu a pena.  Tenho certeza que esse é só o começo de todo sucesso que ela terá', avaliou. 

O pai, seu Salvador Coqueiro Alves, também não poupou esforços, e está todo orgulhoso da conquista da filha talentosa. 'Foi uma sensação muito boa , ver a minha filha feliz e realizada em um evento que é o sonho de todo escritor', frisou.

Ao todo foram cinco horas de exposição, e a obra conquistou o gosto dos leitores. A autora vendeu mais de 60% dos exemplares, e teve muita dedicatória e autógrafos. 'Foi muito emocionante viver tudo isso, dar autógrafo, escrevi várias mensagens que vinha direto do coração', disse. 

E a jovem escritora de Araraquara não parou de produzir. O segundo livro deve ser lançado no inicio do segundo semestre desse ano. Mas por enquanto, sem spoiler desse novo enredo. 

'Eu estou chegando na reta final e devo publicar no final de agosto', apontou. 

LEIA MAIS 

Observação Astronômica será realizada no Sesc Araraquara







Amanda Rocha

Amanda Rocha é formada em jornalismo e atua na imprensa do interior paulista desde 2010. Fotojornalista, filmmaker e repórter de matérias do cotidiano, cultura e causas sociais. Nascida em Bauru, está radicada em Araraquara há sete anos, integra a equipe do acidadeon Araraquara desde 2016. Gosta de contar histórias através de imagens e textos. Publicou dois livros de fotografia: “A imagem no museu do sonho – uma visão imaginária de Sandman” (2014) e “Imagens em Jogo” (2017). É compositora e guitarrista na banda La Burca, tem três discos lançados de forma independente. + info

Mais Notícias

Mais Notícias