Aguarde...

divirta-se

"Dija e Amigos": música boa e variada na live de sexta (31)

Samba, pagode e MPB marcam a apresentação no último dia de julho nas redes sociais da Prefeitura, às 20 horas

| ACidadeON/Araraquara

Dija e Amigos são atração de live nas redes sociais da Prefeitura (Foto: Divulgação)

A música boa do grupo "Dija e Amigos" comanda a live do programa da Prefeitura de Araraquara "Cultura em Rede" desta sexta-feira (31). A apresentação, ao vivo, tem início às 20 horas no canal da Prefeitura de Araraquara no YouTube, com os links disponibilizados nas redes sociais.

Samba, pagode e MPB dão o tom para as apresentações do grupo "Dija e Amigos" há aproximadamente dez anos. Composto por Rafael Baptista (violão), Alan Domingos (percussão geral) e Danilo Posseti (cavaco), "Dija e Amigos" tem o intuito de levar boa música para seu público.

Demônios da Garoa, Benito de Paula, Djavan, Vanessa Rangel, Exaltasamba, Revelação são alguns nomes que passam pelo repertório variado do grupo.

O "Cultura em Rede", nessa segunda edição de lives, traz uma agenda com 21 apresentações que seguem até o dia 13 de agosto, com classificação livre. As apresentações são diárias, de segunda a segunda-feira, sempre às 20 horas, com um artista/grupo convidado em cada live. As apresentações são apresentadas diretamente do Palacete das Rosas, sede da secretaria da Cultura.

Em agosto a programação do "Cultura em Rede" destaca: Dani e Danilo (dia 01), Pedro Luiz Freitas Quarteto (dia 02), DJ Hedinho (dia 03), Cia. Dois Palitos (dia 04), Romeu Rios (dia 05), Lucas Penna e Banda (dia 06), Nalini e Marcos Volpe (dia 07), Trio 90 (dia 08), Sambalaxo (dia 09), Três Quatro (dia 10), DJ Samuca (dia 11), Dona Malvina (dia 12) e Duo Los Bregas (dia 13).

Vale lembrar que a secretaria da Cultura e a Fundart continuam a realizar o cadastramento de artistas, profissionais de Arte, Cultura e Patrimônio Histórico e Cultural em Araraquara, assim como de Espaços Culturais. A ação objetiva o fomento à Cultura municipal e somente quem estiver cadastrado poderá ser beneficiado pelos editais da secretaria da Cultura e Fundart e pelos recursos que vierem por meio da Lei Aldir Blanc.