Aguarde...

ACidadeON Araraquara

Araraquara
mín. 20ºC máx. 36ºC

Política

FaroFino: Nova sessão incerta; Politização do debate; Yashuda vai ao DAAE e Juventude em debate

Confira os bastidores e as notícias da política de Araraquara nesta quarta-feira (09) com o FaroFino.

| ACidadeON/Araraquara

 

Sem definição
Ganhou força nos bastidores da Câmara de Araraquara, nesta quarta-feira (08), o 'burburinho' de uma possível sessão a portas fechadas para encaminhar a discussão sobre crédito especial para consolidar a transferência do Clube Estrela para o Departamento Autônomo de Água e Esgoto (DAAE). Porém, apesar da fumaça em torno dessa possibilidade, a costura feita na 'ressaca' da sessão de terça foi contrária. Isso porque, de acordo com o apurado, setores que entendem a reivindicação dos trabalhadores como justa teria ganhado mais força e já teria um movimento para retirar a proposta da pauta da próxima sessão ordinária, marcada para o dia 14 de agosto. Outra opção descartada, pelo menos até o momento, é a realização de uma sessão extraordinária para debater o tema. Ainda de acordo com o apurado pela coluna, o que está sendo construído junto ao Executivo é a retirada da proposta até mesmo da sessão ordinária para que haja um bate-papo com os trabalhadores da autarquia.  

Não avançou
Procurado pela coluna, o líder do Governo, Paulo Landim (PT) afirmou que não existe possibilidade da proposta ser apreciada a portas fechadas pelos vereadores. Landim afirmou ainda que não houve qualquer andamento durante esta quarta-feira (08) sobre o DAAE e que aguarda orientação do Executivo para ver como isso deverá ser amarrado com os demais parlamentares.  

Politização
O envolvimento de lideranças do PSOL no movimento dos trabalhadores teria gerado desconforto em diferentes vereadores. De acordo com apurado, a tese defendida é que o envolvimento de dois pré-candidatos a deputado, sendo um a federal e outro a estadual, sinaliza que existe uma manipulação do debate e uso político do projeto para, em tese, desgastar a imagem do governo municipal e ajudar a alavancar a dupla politicamente.  

Fala, Prefeito
Durante uma participação ao vivo na página da Prefeitura de Araraquara nas redes sociais, o prefeito Edinho Silva voltou a defender, nesta quarta-feira (08), a transferência do Estrela para o DAAE. Ele reforçou que a aquisição é necessária e que a autarquia estaria adiando isso há algum tempo, devido a precariedade no setor de atendimento que não oferece condições ideais, na visão de Silva. "Você não tem sequer um local para a pessoa que busca resolver qualquer problema, ela não recebe o devido acolhimento. O prédio do DAAE foi construído na década de 1990 e tínhamos em torno de 150 mil habitantes. O debate é importante, mas acho ruim quando se torna de interesse partidário, pois contamina muito e o mérito não acaba analisado", defendeu.  

Prometeu e cumpriu
O presidente da Câmara, Jéferson Yashuda Farmacêutico (PSDB), prometeu aos funcionários ao fim da sessão ordinária de terça-feira (07) que faria uma visita a sede da autarquia. Na manhã desta quarta-feira (08) sem muito alarde, o vereador esteve presente no DAAEl. Questionado sobre o que encontrou no local, afirmou que a visita foi informal, para averiguar a situação relatada pelos trabalhadores. Yashuda afirmou ainda que a única coisa que não conseguiu tirar de dúvida foi em relação a situação financeira, uma vez que o superintendente não estava.  

Juventude em debate
Uma mesa redonda para discutir juventude e política foi realizada na noite desta quarta-feira (08), no auditório da Universidade de Araraquara. O evento contou com a participação da vereadora Thainara Faria (PT), Célio Peliciari (PSOL), Nathan Lorenzetti (PSDB) e Vinicius Motta como debatedores e foi uma iniciativa de estudantes com apoio do Diretório Central dos Estudantes da Instituição. O vereador Rafael de Angeli (PSDB) marcou presença.
 


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Veja também