Aguarde...

ACidadeON Araraquara

Araraquara
mín. 20ºC máx. 36ºC

Política

Engenheiro responsável pela construção da Furp afirma que não houve irregularidades

Profissional foi ouvido por parlamentares durante encontro da CPI, na última terça-feira (6)

| ACidadeON/Araraquara

Engenheiro foi ouvido em CPI na Assembleia paulista. (Foto: Marco Antonio Cardelino/Agência AL)

O engenheiro responsável pela construção da fábrica da Fundação para o Remédio Popular (Furp), localizada na cidade de Américo Brasiliense. Ricardo Luiz Mahfuz disse que durante a construção e execução da obra não recebeu nenhuma verba ilícita ou qualquer tipo de benefício. 

A fala ocorreu na última terça-feira (6), quando o profissional foi ouvido na Comissão Parlamentar de Inquérito, que investiga irregularidades na gestão da Fundação. Segundo Mahfuz, nunca oferecerem a ele nenhum tipo de propina e sua relação com o consórcio responsável pela obra era normal. Ainda de acordo com Mahfuz, o projeto da fábrica em Américo poderia ter sido melhor planejado. 

"Ele foi feito dentro de uma concepção conceitual defasada no que se pratica no mercado farmacêutico, mas como já estava em construção, não dava mais para modificar. É um projeto que funciona, mas hoje poderia ter sido feito de uma forma diferente." Segundo notícias veiculadas na imprensa, Ricardo Luiz Mahfuz foi citado em delação premiada a respeito de recebimento de propina. 

O deputado que preside o grupo de trabalho, Edmir Chedid (DEM), analisou o depoimento do responsável pela construção da fábrica da Furp. "Ele trouxe alguns detalhes mais técnicos do que propriamente aquilo que diz respeito a corrupção, pagamento de propina e desvio de recursos públicos em cima dos aditivos da obra, mas trouxe pouco relativo especificamente às denúncias que a imprensa trouxe até agora", finaliza. 

(Com informações da Agência de Notícias ALESP)  

VEJA FOTOS DA VISTORIA REALIZADA PELA CPI EM JULHO DESTE ANO NA FURP:


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON