Aguarde...

Política

Araraquara gastou R$ 8,5 mi para enfrentar pandemia da covid-19

Números foram apresentados pela secretária da Saúde, na Câmara, durante prestação de contas do 1º quadrimestre de 2020

| ACidadeON/Araraquara

Números foram apresentados pela secretária da Saúde, Eliana Honain (Foto: Divulgação/Câmara)


O enfrentamento da pandemia do novo coronavírus em Araraquara custou até o momento R$ 8,5 milhões aos cofres públicos. A informação é da secretária da Saúde, Eliana Honain, durante prestação de contas do 1º quadrimestre de 2020, na Câmara Municipal, na última quinta-feira (28).

Ao todo, o município gastou R$ 3,2 milhões com prestação de serviços por dispensa de licitação. Outros R$ 2,5 milhões foram destinados a aquisições com dispensa de licitação. A folha de pagamento e gestão de serviços teve custo de R$ 2,2 milhões. Já R$ 513 mil são para compra direta de aquisições e prestações de serviços.

No mesmo período, a Prefeitura arrecadou R$ 12,6 milhões vinculados a covid-19. Deste montante, a maior fatia, de R$ 6,3 milhões são de recursos do Ministério da Saúde. Outros R$ 2,1 milhões são do Governo do Estado e R$ 2,4 milhões do Ministério Público Estadual e Justiça Estadual, além de R$ 1,4 milhões do Ministério Público do Trabalho e Justiça do Trabalho.

Segundo os dados apresentados, a Prefeitura também recebeu recursos de empresas, na ordem de R$ 101 mil, da Justiça Federal, de R$ 121 mil e pessoas físicas teriam doado R$ 2,3 mil. R$ 110 mil foram investidos dos próprios cofres municipais, os chamados recursos próprios. Ainda de acordo com a Prefeitura, a prestação de contas completa está disponível no Portal da Transparência.

Mais do ACidade ON