Aguarde...

Política

Prefeitura de Araraquara tem queda de receita de R$ 15 milhões em três meses

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, em meados de março, as receitas da prefeitura de Araraquara estão em queda

| ACidadeON/Araraquara


Prefeitura Araraquara registra queda nas receitas (Foto: Amanda Rocha)
Desde o início da pandemia do novo coronavírus, em meados de março, as receitas da prefeitura de Araraquara estão em queda. De março para maio, por exemplo, o prejuízo é de aproximadamente R$ 15 milhões.

Os dados foram apresentados pelo prefeito Edinho Silva em uma transmissão nas redes sociais. Só no mês de maio, a prefeitura arrecadou cerca de R$ 51 milhões. Aproximadamente 53% da receita foi para pagamento das despesas de pessoal. Impostos como IPTU, ITBI, ISS, IPVA e ICMS tiveram retração.

"No mês de maio a Prefeitura arrecadou R$ 51. 007. 424, 38. É um número que parece grande, mas em março arrecadamos mais de 66 milhões, em abril foi mais de 58 milhões e maio foi pouco mais de R$ 51 milhões. A arrecadação da Prefeitura está 'descendo a ladeira' e é isso que nos preocupa cada vez mais", afirma Edinho. 

No mês de maio, de acordo com a prefeitura, o orçamento municipal arrecadou cerca de R$ 3 milhões em IPTU, o valor é 25% menor do que contabilizado em março. O mesmo percentual também vale pela o Imposto sob Serviço.

O Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços caiu cerca de R$ 5 milhões nos últimos três meses. Foram R$ 11 milhões registrados em abril contra R$ 16 milhões em março, no início da pandemia. No imposto dos veículos, o IPVA, a queda foi maior ainda, de aproximadamente R$ 6 milhões. Foram R$ 7 milhões em março contra R$ 1,2 em maio.

A pasta da saúde segue sendo o setor com maior investimento. O orçamento no mês de maior representou 42% da receita, ou R$ 21 milhões. A secretaria de educação vem na sequência com 13,5 milhões, quase 27% do orçamento.

Mais do ACidade ON