Aguarde...

Política

Audiência pública na Câmara vai discutir pandemia da covid-19

Objetivo do encontro virtual, que ocorre na quinta-feira (18), é apresentar um diagnóstico da realidade de Araraquara

| ACidadeON/Araraquara

Câmara de Araraquara terá audiência para discutir pandemia da covid-19 (Foto: Amanda Rocha/ACidadeON)
 

Com objetivo de apresentar um diagnóstico sobre a pandemia, a Câmara Municipal discute em audiência pública, nesta quinta-feira (18), às 19 horas, os desafios do poder público e da sociedade no enfrentamento ao crescimento de casos da covid-19 e confirmação da circulação de nova cepa em Araraquara. 

Intitulado "Ato pela vida: os poderes e a sociedade no Combate a covid-19", o evento será online pelos canais oficiais da Casa de Leis e é uma iniciativa da vereadora Thainara Faria (PT). Segundo ela, neste momento, é fundamental informar a população sobre o que ocorre no município, bem como quais são os desafios a serem enfrentados. 

"Primeiro publicitar qual é a real situação de Araraquara, pois circulam muitas Fake News, temos nova cepa, leitos, muitos questionamentos sobre a fila de vacinação, então nós precisamos ter um meio oficial para dar essa informação segura para a população com o real diagnóstico da cidade", defende. 

Thainara afirma ainda que além da atuação do poder público no enfrentamento da pandemia, a sociedade precisa oferecer sua contribuição, evitando a realização de eventos clandestinos, aglomerações e prezando pela vida. 

"É cada um saber da sua responsabilidade nesse momento. A gente vê o número de festas clandestinas que vem acontecendo, a luta por ter espaços que promovem aglomeração, muita informação sendo disseminada, tem gente que quer que volta as aulas, tem quem não quer aula de volta, então precisamos com meio oficiais discutir com seriedade a real situação da nossa cidade. Precisamos levar informações consistentes, para que cada um saiba seu papel, que não pode visitar seu familiar nesse momento, entender também o diagnóstico do Estado, pois estamos em uma situação muito difícil", afirma. 

A audiência pública deve contar com a participação de representantes da secretaria municipal de Saúde, da FunGota, Ministério Público, Defensoria Pública, Conselho Municipal de Saúde, secretaria de Segurança Pública e direção do hospital de campanha municipal. 

Araraquara atinge a triste marca, nesta segunda-feira (15), de ocupação total de leitos de enfermaria e Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nas unidades públicas e particulares. Na avaliação de Thainara Faria, não podemos permitir que mais pessoas percam suas vidas. 

"Tem cidades do nosso país que estão prevendo uma terceira onda, então nós não teremos condições de perder mais brasileiros, mais araraquarenses, vimos que jovens estão morrendo, as pessoas estão sendo intubadas e as famílias estão desesperadas, o sistema de saúde pública e privado não estão dando conta e temos que discutir isso de maneira sincera e honesta", finaliza. 

O encontro será realizado no plenário da Câmara, com transmissão ao vivo pela TV (canal 17 da NET, Facebook e YouTube). Segundo a Casa de Leis, medidas foram adotadas para garantir a segurança dos participantes e, por isso, haverá ferramentas de participação por meio de perguntas via Facebook, Youtube e Whatsapp.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON