ACidadeON Araraquara

Araraquara
mín. 20ºC máx. 36ºC

Eleições

Defesa do Estado laíco, igualdade de raça e gênero são pautas da candidatura de Giovani Correia

Em entrevista ao ACidadeON, candidato a deputado estadual de Araraquara afirmou que lutará pelo fim das desigualdades; Correia falou ainda de qualificação profissional, educação e saúde pública

| ACidadeON/Araraquara

Giovani Correia é candidato a deputado estadual pelo PROS. (Foto: Divulgação)
 

Candidato a deputado estadual pelo Partido Republicano da Ordem Social, Giovani Correia* é o terceiro postulante à Assembleia Legislativa que apresenta ao eleitor suas propostas. A sabatina publicada nesta quinta-feira (13) faz uma análise, sobre o ponto de vista do candidato, da conjuntura política e apresenta soluções para as questões que afligem o eleitor de nossa cidade e região.  

O objetivo do ACidadeON é contribuir para que o eleitor tome a melhor decisão na hora do voto, apresentando aos leitores o que pensa cada um dos 22 postulantes com domicílio eleitoral na Morada do Sol sobre as diferentes questões levantadas nestas eleições. É possível ter acesso a todo o material publicado e entrevistas em nosso hotsite de eleições. Confira a entrevista com Giovani Correia:  

ACidadeON: Em sua avaliação, o que faz um deputado? Explique o que motivou sua participação nas eleições 2018.  

Giovani Correia: Faz leis e fiscaliza o executivo, no caso o governador  de seu estado. É o deputado que transforma em leis as carências (demandas) da população. Quando fui assessor parlamentar, notei a carência de legisladores  que representem efetivamente diferentes setores da sociedade. Segmentos que não enxergavam dentro do legislativo alguém que pudesse falar por eles. Quero ser essa voz na Assembleia.
 
ACidadeON: Em meio à crise moral e política que vive o País, bem como a descrença dos eleitores no poder de transformação da política, como pretende se diferenciar em meio as opções que se apresentam?  

Giovani Correia: Vou popularizar a politica fazendo que todos entendam da maneira mais didática possível. Quero que cada pessoa, não importando a sua classe social e acadêmica, saiba verdadeiramente do que se trata cada projeto que eu apresentar. Quero que ela se veja nele e que está sendo bem atendido e representado.   

AcidadeON: O deputado é eleito para representar todo o estado de São Paulo. Porém, muitos priorizam uma região ou área para seu mandato. Qual será a sua?  

Giovani Correia: Como todo candidato à Assembleia, pertenço a alguns segmentos e quero vê-los representados. Mas, terei cuidado para que o mandato irradie em todos os outros segmentos que não pertenço, mas que tem igual importância. Todos os projetos que elaborar tomarei cuidado para que não seja individualista e sirva de espelho para todas regiões.   

ACidadeON: Caso eleito, como pode contribuir para solucionar questões que afligem o povo de Araraquara, como por exemplo, a falta de recursos para a saúde, o problema de aprendizado dos estudantes e valorização dos profissionais da educação, a falta de recursos para infraestrutura e o desemprego? 

Giovani Correia: Eleito não vou ficar indiferente a essas questões primárias do ser humano como saúde, educação e o desemprego. Entendo que a Saúde necessita de mais investimentos para atuação dos profissionais na prevenção das patologias. Com isso reduziria o custo de tratamento das mesmas. Já na educação, penso que foram implantados diferentes programas para combater a evasão escolar, como por exemplo, a progressão continuada, onde o aluno não reprova de ano. A princípio surtiu efeito, porém, não solucionou o problema no todo. Não tratou a principal razão dessa evasão que é a falta de modernização e integração pessoal (entre professores e alunos). É preciso transformar o saber em algo prazeroso e não em obrigação.
Em relação a questão do desemprego, combaterei de forma objetiva, visando projetos de qualificação profissional, pois os profissionais que estiverem fora do mercado de trabalho por mais de um ano não estará apto a exercer sua função, uma vez que as tecnologias estão avançando com muita rapidez. Isso força o desempregado e todo profissional a se atualizar com frequência para estar apto na disputa por um espaço no mercado de trabalho.   

ACidadeON: Cada deputado estadual recebe um salário de R$ 22.322,25. Além disso, recebem verbas extras para a contratação de assessores e auxílio moradia, por exemplo. Na sua avaliação, a Assembleia custa mais do que produz? Abriria mão de algum benefício ou mimo se eleito? 

Giovani Correia: Não acho que todo problema está no valor pago, mais sim nas disparidades entre os mesmos.  Se eu enfrentar de verdade a valorização de todas as classes (trabalhadores) aumentando os seus vencimentos atuarei na desigualdade entre o que recebe o legislador (trabalhador) e o trabalhador.
Assim como acredito que pra ter os melhores profissionais de várias áreas e que os mesmos se dediquem exclusivamente ao mandato, tem custo, pois o problema aqui não é quanto é gasto, mas como e com quem.
 
ACidadeON: De forma resumida, cite ao menos três coisas que defenderá na Assembleia Legislativa.
Uma de minhas pautas será a luta por qualificação profissional da comunidade LGBTQI+, pois atualmente representam cerca de 14 milhões de desempregados. Além disso, são vítimas de discriminação e homofobia.
Outro ponto será combater o trabalho escravo moderno. Muitas pessoas são forçadas a exercer uma atividade contra sua vontade, sob a ameaça de indigência vou trabalhar pela igualdade racial e de gênero nas condições de trabalho.
Na religião defenderei o estado laico, ou seja, a liberdade para todas as crenças. Acredito que é preciso combater os racismos religiosos e defender o livre arbítrio e manifestações religiosas.

GIOVANI CORREIA DOS SANTOS
Nome da urna: Giovani Correia 
Partido: PROS
Número: 90977
Idade: 33 anos 
Profissão: Outros 
Carreira: Disputa um cargo eletivo pela primeira vez nas eleições de 2018. 

*Trechos da entrevista foram editados para melhor entendimento do leitor

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook