Aguarde...

Esse ano votaremos nos

Eleições

Confira as propostas dos candidatos à Prefeitura para a Educação

Nesta quarta-feira (14) os nove prefeituráveis de Araraquara responderam sobre o tema Educação

| ACidadeON/Araraquara

Educação é o tema desta quarta-feira (14) (Foto: reprodução/Pixabay)
O ACidade ON segue com a série de publicações com propostas dos nove candidatos à prefeito em Araraquara. 

O tema a ser abordado nesta quarta-feira (14) é Educação em Araraquara, com as principais propostas dos prefeituráveis sobre o tema. 

As perguntas foram enviadas na última semana, com prazo e limitação de espaço para as respostas de cada candidato. 

Confira na íntegra o que cada um respondeu, por ordem alfabética.  

Célio Peliciari (PSOL) é pré-candidato a prefeito de Araraquara ( Foto: Amanda Rocha)
CÉLIO PELICIARI (PSOL)
Defendemos a educação pública e gratuita. Para alcançarmos a qualidade necessária defendemos: 1) reformulação das infraestruturas das creches e escolas de ensino fundamental para possibilitar uma educação completa, integral, desde o necessário aprendizado dos livros didáticos, como também o cuidado com a natureza, o respeito ao próximo, o amor às artes e aos esportes. 2) diminuir a quantidade de alunos nas salas contratando mais professores. 3) Garantir um melhor salário para os professores.  

Coronel Adalberto é pré-candidato a prefeito pelos Republicanos (Foto: Amanda Rocha/ACidadeON)
CORONEL ADALBERTO (REPUBLICANOS)
Manter as escolas abertas por 360 dias no ano, para atender crianças e jovens, com atividades culturais, esportivas, reforço e fornecimento de merenda;
Disponibilizar, na internet, toda a informação da rede municipal, por escola;
Criar um espaço virtual de capacitação e aprimoramento dos docentes;
Educando para o Futuro prevê modernizar a educação por meio da reformulação de práticas e conteúdos, bem como adoção de tecnologias;
A Adesão ao Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares.   

Candidato a prefeito Lapena (Patriota) (Foto: Amanda Rocha)
DOUTOR LAPENA (PATRIOTA)
Implantação da Escola Cívico-Militar e extensão do Período Integral para todas as escolas que possuem ensino fundamental na rede municipal. Vamos oferecer merenda de qualidade, além de médico e dentista próximo das escolas para acompanhamento das crianças. Iremos ouvir as demandas dos professores e fortalecer o trabalho dos profissionais do setor. Queremos auxiliar melhor a qualificação dos servidores em geral e não só os da área da educação.  

Edinho Silva ( PT)  tenta a reeleição (Foto: Amanda Rocha)
EDINHO SILVA (PT)
Investimos R$ 33 milhões em obras da Educação para melhorar o atendimento e ampliar oferta de vagas. Investimos na formação dos educadores e melhoramos a qualidade da merenda, excluindo os enlatados e inserindo hortifrútis, resultado de parceria com pequenos agricultores. Entre as metas, está ampliar ainda mais a disponibilidade de vagas para a educação infantil, de modo a zerar o déficit para o atendimento das crianças de 0 a 3 anos de idade e garantir que todas as crianças de 4 a 5 anos estejam inclusas no sistema educacional.  
Padre Fernando Fraga (PTB) é pré-candidato a prefeito de Araraquara (Foto: Amanda Rocha)
FERNANDO FRAGA (PTB)
Temos uma rede de educação privilegiada. Nossos Centros de Recreação e Educação contam com funcionários extremamente competentes e dedicados. A merenda servida em todas as unidades de Educação do Município é de alta qualidade. Entretanto, temos que alcançar uma nota mais expressiva na avaliação nacional do ensino básico. Para isso, através do diálogo que será a marca da nossa administração, vamos encontrar caminhos com os pais e a equipe da Secretaria para dar um salto na qualidade da educação, buscando a excelência no ensino.  

Coligação Tempo de fazer mais e melhor' lança Nino como pré-candidato
NINO MENGATTI (PSB)
Para o candidato a prefeito, Nino Mengatti (PSB), uma educação de qualidade é fundamental para o bom funcionamento de uma cidade. Por isso, segundo Nino, suas principais propostas para uma educação de qualidade consistem em: implantar o ensino integral em diversas escolas; valorizar os profissionais da educação; dar continuidade no ensino híbrido, disponibilizando estrutura para tal, que consiste em levar internet gratuita a todos os bairros e providenciando tablets para os professores; melhorar a merenda para que Araraquara volte a ter a melhor merenda do Sudeste, como quando foi secretário da Educação.  

Coca-Ferraz é um dos pré candidatos em Araraquara (Foto: Fernanda Manécolo)
PROFESSOR COCA FERRAZ (PSL)
Melhorar e aperfeiçoar a gestão do sistema, corrigindo os problemas e distorções existentes.
Eliminar a falta de vagas nas unidades de ensino, sobretudo nas creches.
Respeitar, valorizar e proporcionar cursos e treinamento para os professores e funcionários melhorarem suas condições de trabalho.
Colocar Araraquara em primeiro lugar entre as cidades grandes da região no tocante ao Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) e indicador Escolaridade do Índice Paulista de Responsabilidade Social - considerando a média do 5º e do 9º anos - e implementar um amplo programa de Educação Ambiental envolvendo as escolas e comunidade como também o programa de Educação Cidadã. 
Rodrigo Ribeiro (PRTB) pré-candidato a prefeito ( Foto: ACidadeON)
RODRIGO RIBEIRO (PRTB)
Implantar escola cívico-militar, se de interesse da população;
Hasteamento da bandeira nas escolas ;
Entoação do hino nacional nas escolas;
Alfabetização é prioridade;
Melhorias nas escolas;
Eventos escolares de integração para socialização e envolvimento familiar;
Pratica de esporte de diversas modalidades nas escolas;
Meritocracia;
Convenio das universidades - escolas municipais;
Participação da iniciativa privada;
Música nas escolas.  

Tiago Pires é pré-candidato a prefeito pelo PCO (Foto: Walter Strozzi/ACidade ON)
TIAGO PIRES (PCO)
Defendemos a suspensão da farsa do ensino a distância; retorno das aulas somente com o fim da pandemia e com vacinação em massa; revogação do teto dos gastos; acesso irrestrito a todos os níveis de ensino com o fim do vestibular; estatização de todo ensino. Somos contra censurar os professores em sala de aula e contra a militarização das escolas. A saída para a educação está na mobilização dos estudantes e trabalhadores pelo fim do golpe de 2016, com o fora Bolsonaro e Lula presidente em 2022.

Mais do ACidade ON