Aguarde...

Esse ano votaremos nos

Eleições

Patriota terá segunda maior bancada na Câmara e será oposição

Partido elege parlamentares pela 1ª vez e se define como 'oposição inteligente'; Dr. Garrido será líder da bancada

| ACidadeON/Araraquara

Dirigentes do Patriota com os três vereadores eleitos em Araraquara (Foto: Reprodução Redes Sociais)
 

Pela primeira vez na história política de Araraquara o Patriota terá representantes na Câmara Municipal. O partido, que foi liderado nas urnas pelo candidato à Prefeitura Dr Lapena - teve mais de 37 mil votos -, conseguiu eleger três parlamentares para legislatura que se inicia no próximo dia 1º de janeiro de 2021.  

Na avaliação do presidente municipal do Patriota, Pedro Monteiro, o resultado das eleições veio para coroar o trabalho iniciado há três anos. Ao todo, além de 37.774 votos em Lapena, o Patriota teve 12.041 votos para vereadores, sendo 1.184 apenas na legenda.  

"O partido está muito satisfeito com o resultado das eleições, foi um trabalho que começou a três anos atrás e temos a segunda maior bancada. Foi um resultado muito positivo e fizemos três vereadores", afirma.  

De acordo com o líder partidário em Araraquara, o Patriota definiu, nesta quarta-feira (18), que será oposição ao prefeito Edinho Silva (PT). Mas, apesar disso, Monteiro ressalta que o partido fará uma "oposição inteligente", aprovando os projetos de interesse da população.  

"O partido tem um posicionamento [oposição], hoje tivemos uma reunião com a Executiva Nacional e os três vereadores eleitos onde ficou definido que o doutor Marcos Garrido vai ser o líder da bancada do Patriota e estamos muito otimistas para o ano de 2021", explica.  

Além do posicionamento político, as lideranças partidárias discutiram como a direção nacional pode contribuir com o município através do envio de recursos. "Temos que ir atrás de recursos e quando chegar aqui, nossos três vereadores vão fiscalizar. Adilson Barroso [presidente nacional] se dispôs a ajudar a bancada de vereadores articulando recursos com o Governo Federal", finaliza.  

DR GARRIDO SERÁ O LÍDER
Ao ACidade ON, o vereador eleito e futuro líder da bancada, Dr. Marcos Garrido, reforça a fala do presidente municipal sobre o posicionamento no Legislativo. Além disso, diz estar grato aos eleitores e todos os que se estiveram a favor do projeto "EnDireita Araraquara".  

"A Câmara para 2021 parece ser bem atuante, pois são pessoas que atuam de verdade, gostam da cidade e trabalham em prol dela. Obviamente que tem a oposição que é um número maior e a situação, que embora seja maior também, são vereadores atuantes".  

"Araraquara pode ficar tranquila que em 2021 teremos os trabalhos de uma Câmara verdadeiramente atuante. E nós do Patriota vamos fiscalizar tudo e todos para o bem da cidade", completa. 

MUDANÇA NO TABULEIRO POLÍTICO
As eleições 2020 trouxe bastante mudança no tabuleiro político. É que a partir de 1º de janeiro de 2021 teremos 11 partidos políticos com representação na Câmara Municipal, sendo que apenas seis deles - quatro do PT, um do Progressista e um do PCdoB -, foram eleitos na chapa liderada pelo prefeito reeleito Edinho Silva (PT). 

"Curioso observarmos que as eleições de 2020 balançaram o tabuleiro do xadrez político, seja na cidade de Araraquara, seja no país. Embora aqui no município tenhamos partidos que estrearão na Câmara Municipal em 2021: Podemos e Patriota, à direita e; PCdoB, à esquerda, ainda assim todos esses partidos diminuíram a sua representação a nível nacional, comparando o resultado das eleições municipais de 2016 com as de 2020. Isso nos leva a identificar que os fatores que explicam o aumento de representação das siglas se dão mais por questões eminentemente locais no município do que significativo desempenho nacional. É importante frisar que embora sejam votos separados, as eleições para prefeito e vereador caminham juntas. É o chamado "efeito coattail", quando a força de popularidade de um político ou uma candidatura acaba por aumentar as chances de vitória de outros candidatos do mesmo partido político. Em suma, Podemos e Patriota conseguiram representação política antes inexistente em larga medida devido à votação significativa de Dr. Lapena para o Executivo. Basta pensarmos que o próprio candidato ao Executivo declarou compreender se tratar de uma vitória para a sua coligação o fato de conseguirem ter elegido 4 vereadores. A despeito das eleições de 2020 trazerem novidades nas eleições para o Legislativo, devido ao fim da possibilidade de celebração das coligações eleitorais, ainda assim tais coligações continuam permitidas para as candidaturas ao Executivo. Desse modo, a estratégia de campanha caminha junta pelos partidos membros da coligação que apoiam o candidato nas eleições majoritárias. Se observarmos por esta ótica, veremos que, além da coligação do Dr. Lapena, a que apoiou o prefeito reeleito Edinho Silva conseguiu obter 6 cadeiras no Legislativo (4 cadeiras para o partido do prefeito, o PT; 1 cadeira para o PP e; 1 cadeira para o PCdoB); a coligação do candidato Nino Mengatti obteve 1 cadeira do PDT; já a coligação do candidato coronel Adalberto obteve também 1 cadeira pelo REPUBLICANOS. Por outro lado, fica evidente que a coligação do candidato Coca Ferraz embora tenha conseguido obter 6 cadeiras para o Legislativo isso se deu muito mais pela força de alguns dos partidos e nomes em disputa do que por um efeito cottail", analisa o cientista social e colunista do ACidade ON, Bruno Silva.

Mais do ACidade ON