Aguarde...

ACidadeON Araraquara

Araraquara
mín. 20ºC máx. 36ºC

Especial Publicitário

Prevenir é a melhor forma de cuidar da saúde

Incluir exercícios na rotina e ter alimentação regrada pode ser saída para vida saudável


Prevenir é a melhor forma de cuidar da saúde (Foto: Walter Strozzi - A Cidade On)
Equilibrar as tarefas do dia a dia com cuidados a saúde parece missão impossível. Mas calma, nada de desespero, afinal, nesse Dia Mundial da Saúde, a boa notícia é que a prevenção ainda é a melhor forma de ter uma vida saudável e o melhor, com poucos passos aliado ao acompanhamento médico fica fácil chegar lá. 

Os benefícios são muitos, como explica o segurança de eventos Mario Sérgio Costa, de 35 anos, que procura fazer exercícios diários no Parque Infantil, no Centro de Araraquara. Para ele, o dia começa diferente, com outro aspecto, quando consegue aliar uma boa alimentação a uma série de 7 voltas correndo e 3 caminhando em volta da praça. 

"Vir aqui é como se fosse uma recarga na bateria, pois sempre saio melhor e mais tranquilo. Durmo melhor e pareço mais aliviado. Procuro cuidar sempre da minha alimentação, evitando coisas gordurosas, pesadas ou que tenham muito conservante, então opto por coisas mais naturais", explica.   

Prevenir é a melhor forma de cuidar da saúde (Foto: Walter Strozzi - A Cidade On)
A advogada Angelina Donini Veiga também se exercita no Parque Infantil, porém, faz uma carga menor de exercícios. Ela procura ao menos três vezes na semana fazer uma caminhada, além de ficar alerta em relação a alimentação. 

"Você fica com mais disposição e se não fizer nenhum exercício a situação piora. Com a idade, o metabolismo fica mais lento, então os cuidados têm que ser redobrados. Faz diferença, pois semana que não dá para caminhar, quando chove, por exemplo, eu sinto que tem diferença", afirma.  

Prevenir é a melhor forma de cuidar da saúde (Foto: Walter Strozzi - A Cidade On)

Cuidados campeões
O método campeão, para ter uma saúde em dia e evitar qualquer evento cardíaco ou cerebral, é a prevenção primária. De acordo com o cardiologista Waldemar Paschoalino Júnior, a maioria da população espera acontecer algo para depois correr atrás do prejuízo. "A prevenção primária é muito importante. O que quer dizer isso? É você controlar seu diabetes, controlar o colesterol, pressão e isso com exames periódicos. Prevenir doenças cardiovasculares é importante", alerta. 

Na avaliação de Paschoalino Júnior a receita infalível para vida saudável é exercício físico e dieta. E não se engane pensando que só quem possui problemas de saúde precisam se preocupar com exercícios ou com o que come diariamente. Para o cardiologista, a frequência ideal é de três vezes por semana, ao menos trinta minutos. 

"O principal é o exercício físico, como por exemplo, uma caminhada, bicicleta, esteira, natação, ou seja, exercícios que chamamos de aeróbicos, que aumentam a frequência cardíaca, consumindo energia e gastando calorias. E com certeza uma dieta, evitando ingerir muita gordura e carboidratos. Dieta e exercício físico, as pessoas têm que ter isso em mente, de incluir isso em seu cotidiano", afirma. 

Já o acompanhamento médico também é fundamental. Para Paschoalino Júnior o ideal, para pessoas que não possuem doenças prévias precisam ir ao menos uma vez no ano no cardiologista, por exemplo. Já quem possui doenças como diabetes, hipertensão e colesterol dependem dos resultados de exames, que variam de quatro a seis meses. 

"Uma doença que está acometendo muitos brasileiros e o mundo inteiro é o diabetes. A população aumentou de peso, não faz mais exercícios e o diabetes é uma doença silenciosa. Também tem a hipertensão arterial, que é muito silenciosa e não apresenta sintomas, quando aparece a pessoa já está com a doença há dois ou três anos. Por isso é importante uma vez ao ano ir a um cardiologista para evitar algo mais grave como um infarto, ou AVC", finaliza.