Aguarde...
Auto ON

Auto ON

Piloto brasileiro Eric Granado cai quando liderava corrida

Brilhante durante todo o final de semana, piloto da One Racing Energy abandona quando estava na liderança

| Auto ON

 

Eric Granado lidera prova da Moto-E antes de cair
Um acidente com o piloto italiano Celestino Vietti durante o warm-up da primeira etapa do Campeonato Mundial de Moto2, neste domingo (2), obrigou os organizadores a adiar a prova de abertura do Mundial de Moto-E das 9h para as 14h30 (horários de Brasília). E esta mudança acabou alterando também o equilíbrio das motos na primeira etapa da categoria das motos elétricas. Como na região da Andaluzia, onde se localiza o circuito espanhol de Jerez de la Frontera, a temperatura muda muito, isso fez com que houvesse uma diminuição na aderência das motos ao asfalto e acabou surpreendendo todos os pilotos do grid da Moto-E.

Nas oito voltas da prova, foram registrados diversos tombos, derrapadas e acidentes, em uma sequência que tirou da corrida alguns dos principais nomes da competição, como o brasileiro Eric Granado, que largou da pole e liderava a prova já com alguma vantagem no momento da queda. Outra vítima importante foi o alemão Lukas Tulovic, da equipe Tech 3 E-Racing, que duelou pela pole com Granado nos treinos do sábado, largou em segundo e também abandonou por acidente.

No final da última volta, o suíço Dominique Aegerter (equipe Dynavolt Intact GP), principal rival de Granado durante toda a pré-temporada, "salvou" uma queda praticamente certa ao derrapar na curva seis quando tentava dar um bote sobre o italiano Alessandro Zaccone (equipe Octo Pramac Moto-E), que acabaria vencendo a corrida. Em entrevista após a corrida, Aergerter admitiu o alívio por ter controlado a moto e garantido assim pontos para o Campeonato Mundial.