Publicidade

Auto ON

Novo Fiat Pulse chega com estilo agressivo e motor potente

O Fiat Pulse inaugura o motor turbo 200 Flex, que desenvolve 130 cavalos; destaque também para as novas telas de 8,4 e 10,1

| Auto ON -

 

A frente agressiva e elegante do novo Fiat Pulse
Líder do mercado brasileiro e sul-americano em 2021, amplia sua vantagem com o lançamento do Fiat Pulse. O modelo vai concorrer no segmento que mais cresce no país. Em nove anos, o segmento B-SUV, que só tinha dois concorrentes e hoje tem 18 modelos, cresceu de 2,8% para 22,8% sua participação de mercado.
O modelo da marca italiana se destaca pelo projeto moderno e uma motorização turbo eficiente.  

Com um estilo muito agradável e harmonioso, o Pulse nasceu do trabalho de profissionais brasileiros do Polo Automotivo de Betim, em Minas Gerais.
A dianteira, alta e imponente, transmite elegância e versatilidade. O para-choque elevado amplia o ângulo de entrada, item crucial para um SUV.  

A frente segue a tendência adotada pela picape Fiat Toro, com longos e finos faróis de LED. Abaixo dos faróis fica uma segunda entrada de ar imponente, com grandes nichos para os faróis de neblina, também de LED, nas laterais.  

O estilo musculoso do Pulse se mantém na lateral, com grandes arcos em torno dos para-lamas, rack longitudinal no teto e acabamento diferenciado sob os vidros, mostrando que elegância também combina com robustez. As rodas de liga leve têm desenho exclusivo nas diferentes versões, combinando perfeitamente com a suspensão elevada e o estilo envolvente do SUV.  

Já na traseira, as lanternas, também de LED, tridimensionais têm perfil elevado, e são posicionadas para otimizar sua visualização por outros condutores, reforçando a segurança ao mesmo tempo em que cria uma nova identidade visual.  

O para-choque traseiro exclusivo une forma à função. Seu desenho otimiza o ângulo de saída do Pulse, enquanto os elementos escurecidos, somados a um friso prateado na parte inferior, deixam claro que o SUV está apto para qualquer situação.  

Todo esse estilo combina com a personalidade de cada consumidor, por isso o Pulse estreia duas cores novas e exclusivas, Azul Amalfi e Cinza Strato, que podem ser combinadas com o requintado teto bicolor, preto ou cinza na Impetus, e preto como item opcional nas demais, com exceção da versão de entrada. 
 
A traseira muito bonita é um diferencial do Fiat Pulse
Dentro  

O interior do Pulse tem uma identidade muito singular. Todo o habitáculo é inédito. O novo e exclusivo painel recebe tons prata e cinza com diferentes elementos, trazendo a modernidade esperada de um SUV. As peças usam um mix de texturas agradáveis ao toque.  

Os novos bancos em tecido ou em couro sintético apresentam costura aparente em um design envolvente. A manopla de câmbio é adornada por uma discreta borda prateada, mesmo tom usado ao redor dos comandos do novo volante. O volante conta com botões para diversos ajustes, como por exemplo, do som, atrás permite a troca das marchas por meio de paddle-shifters.

O painel 100% digital entrega a tecnologia cada vez mais buscada pelos consumidores, fazendo a dupla perfeita com a tela flutuante do sistema multimídia, que pode ter 8,4 polegadas ou 10,1 polegadas com conexão via internet 4G.   
 
Novo Fiat Pulse conta com um interior moderno
Os comandos do sistema de som, ar-condicionado e controles do veículo ficam reunidos em um cluster integrado, criando um visual limpo e facilitando o rápido acesso aos principais recursos do Pulse. Abaixo dele ficam duas entradas USB, sendo uma do tipo C, posicionadas logo acima do carregador de celular por indução. Outro conector USB colocado entre os bancos permite que os passageiros do assento traseiro carreguem seu smartphone.  

Motorizações

A estreia do SUV Pulse chega ao mercado com um amplo catálogo de transmissões e motores, incluindo a chegada do inédito turbo 200 Flex, o 1,0 litro sobrealimentado mais potente do Brasil com até 130 cavalos.  

O inédito propulsor faz parte da família de motores desenvolvida pela Stellantis, e repete 100% das inovações e tecnologias do conjunto existente, o turbo 270 Flex, que já equipa a Toro. O turbo 200 Flex é capaz de gerar 130 cavalos de potência máxima com etanol (125 cavalos com gasolina), número acima de qualquer concorrente no segmento. O torque de 200 Nm (20,4 kgf.m), independente do combustível, está disponível entre 1.750 rpm e 3.500 rpm, entregando força máxima na faixa de maior uso dos motoristas no dia a dia.  

Um dos recursos que permite isso é o turbocompressor de baixa inércia. Ele é dotado de uma wastegate eletrônica, que se ajusta rapidamente às demandas do acelerador de forma ativa. Isso reduz o tempo de resposta do componente e amplia o controle da pressão no conjunto. O sistema de admissão tem um volume reduzido, diminuindo ainda mais o turbo lag.  

Essas características são reforçadas pelo MultiAir III, uma tecnologia exclusiva da Stellantis. Ele é dotado de um sistema eletro-hidráulico para fazer um controle flexível das válvulas de admissão, mantendo a alta performance sem comprometer o consumo de combustível, e baixo nível de emissões.   
 
Novo motor turbo 200 Flex de 130 cavalos
Com o MultiAir III, o motor turbo 200 Flex do Pulse pode abrir as válvulas de admissão durante o ciclo de compressão do cilindro, o que reduz a taxa de compressão e esfria a câmara de combustão. Isso dá maior controle sobre a detonação sem comprometer o avanço de ignição.  

O controle eletrônico também permite antecipar a abertura das válvulas de admissão na fase de escapamento, criando uma recirculação de gases que reduz os óxidos de nitrogênio oriundos da combustão. Por conta disso, o Pulse chega ao mercado já atendendo às novas regras de emissões que passarão a vigorar a partir de 2022.  

A injeção direta de combustível tem injetores colocados quase na vertical em relação aos pistões, em ângulo de 23°. Isso favorece a mistura ar-combustível ao mesmo tempo em que evita o comprometimento do filme de óleo na parede do cilindro, dando estabilidade e velocidade na combustão. O controle preciso do motor é reforçado com as informações do sensor de etanol, que detecta o tipo de combustível usado antes dele ser queimado.  

Até mesmo o posicionamento do catalisador é pensado para o máximo de eficiência. Colocado junto ao coletor de escape integrado ao cabeçote, ele possibilita um rápido aquecimento do conjunto, favorecendo o controle de emissões com o motor em ciclo frio. Já a corrente de distribuição silenciosa é do tipo "for life", e não demanda manutenção durante a vida útil do veículo, reduzindo o custo de manutenção.  

Além do turbo 200 Flex, o Pulse também vai ter disponível o tradicional motor 1.3 Firefly, que gera 107 cavalos de potência com etanol a 6.250 rpm e 134 Nm (13,7 kgf.m) a 4.000 rpm, números competitivos oferecidos no mercado e alinhados com o ótimo custo-benefício do conjunto.

O novo SUV vai contar com um câmbio CVT que simula sete marchas. O câmbio CVT usa duas polias variáveis ligadas por uma correia metálica mergulhada em óleo. Ele opera com três modos de funcionamento.   (AF)

Fiat Pulse versões e preços  

DRIVE 1.3 FLEX MANUAL R$ 79.990
DRIVE 1.3 FLEX AUTOMÁTICA R$89.990
DRIVE TURBO 200 FLEX AUTOMÁTICA R$ 98.990
AUDACE TURBO 200 FLEX AUTOMÁTICA R$ 107.990
IMPETUS TURBO 200 FLEX AUTOMÁTICA R$ 115.990

Mais notícias


Publicidade