Aguarde...
Auto ON

auto-on

Aumentam as mortes em acidentes na cidade de Campinas

Dados apontam redução 10% nos acidentes com vítimas em Campinas; Indaiatuba, Hortolândia, Araras, Itatiba e Paulínia também têm quedas

| Auto ON

  

Aumentam as mortes no trânsito de Campinas
A região de Campinas registrou queda de 2% nos acidentes de trânsito em fevereiro deste ano. Em 2021, foram registrados 2.312 acidentes frente a 2.360 no mesmo período de 2020 (-2%). Já com relação ao número de mortes, houve alta no mês: 76 óbitos em fevereiro deste ano contra 64 em 2020 (+ 19%). Esses números são do Infosiga-SP e do Detran-SP.

No município de Campinas houve queda de 10% nos acidentes de trânsito com vítimas. Em fevereiro de 2021 foram apontados 324 acidentes contra 361 no mesmo período de 2020 (-10%). Indaiatuba foi outro município também com redução nos acidentes com vítimas (-13%), assim como Hortolândia (-27%); Araras (-39%) e Paulínia (- 37%), entre outros.

Na região de Campinas, os motociclistas continuam sendo o grupo com o maior número de vítimas fatais em fevereiro (33 contra 21 em 2020). Em seguida, aparecem ocupantes de automóvveis, com 20 vítimas em fevereiro deste ano contra 15 em fevereiro de 2020. Pedestres registraram 15 casos neste ano contra 14 em 2020. Entre ciclistas, dois óbitos foram registrados no mês de fevereiro deste ano, enquanto no mesmo período de 2020 seis óbitos foram registrados.

Estado

O Estado de São Paulo registrou queda no número de acidentes de trânsito com vítimas, que incluem ocorrências não fatais, no último mês de fevereiro. Foram 13.781 registros, enquanto em fevereiro de 2020 foram 14.428 (-4,5%).

Já com relação ao número de mortes, houve leve alta no mês: 369 óbitos em fevereiro deste ano contra 364 em 2020 (+ 1,4%). Apesar do aumento, o acumulado deste ano mostra tendência de queda no número de óbitos. No primeiro bimestre de 2021 o total de fatalidades de trânsito, 730, é 1,5% menor do que no mesmo período de 2020, quando foram registrados 741 óbitos.