Publicidade

Auto ON

Volkswagen paralisa mais uma vez a produção na Anchieta

A Volkswagen do Brasil por falta de componentes teve que paralisar mais uma vez a produção da sua principal fábrica

| Auto ON -

Volkswagen paralisa planta fabril da Rodovia Anchieta
A Volkswagen do Brasil suspendeu, mais uma vez, a produção de veículos na fábrica Anchieta, localizada em São Bernardo do Campo (SP). De acordo com a fabricante, a linha de montagem ficará paralisada, a princípio, até o final de maio e com isso, cerca de 2,5 mil trabalhadores entraram em férias coletivas. A principal causa, de acordo com a empresa, é a falta de semicondutores.

A falta de peças vem afetando as principais fabricantes do segmento automotivo, primeiro pela pandemia da Covid-19 e agora pela guerra entre Rússia e Ucrânia. Mas de acordo com Márcio de Lima Leite, presidente da Anfavea, o mundo terá 29 novas fábricas de semicondutores para indústria automotiva até 2023.

Já na fábrica de Taubaté ocorreu a paralisação no final de abril para adequação da unidade, por conta da instalação de plataforma para produção de novos modelos de veículos. Objetivo que faz parte do pacote de investimento de 7 bilhões em suas unidades da América Latina.

Mas não é só a falta de peças que está deixando a diretoria da Volkswagen sem dormir. São as vendas também. Talvez aproveitem esse momento de paralisação para analisar o que vem acontecendo com seus modelos e os consumidores.

Acostumada a ocupar as primeiras posições no ranking de vendas, a marca está na quinta posição entre as fabricantes. 
 
Volkswagen T-Cross é o oitavo modelo mais vendido no Brasil
Na tabela dos automóveis emplacados em abril de 2022 da Fenabrave - Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, o primeiro modelo da Volkswagen que aparece é o T Cross na oitava posição com 4.570 unidades comercializadas. O segundo mais vendido da marca alemã é o Nivus, na 17ª posição, com 2.644 unidades. Entre as picapes, a Amarok ocupa a 10ª posição e a Saveiro a 24ª.

Publicidade