Aguarde...

auto-on

Harley-Davidson: de Harley na highway

Tome nota

| Auto ON

por Edmundo Dantas
AutoMotrix

De Harley na highway
 

Diego Cardenas e sua Harley-Davidson LiveWire: divulgação
O norte-americano Diego Cardenas pretendia passar seu quinquagésimo aniversário na Espanha. No entanto, com a pandemia do coronavírus, precisou de um novo plano. Pensou, então, em uma viagem que lhe permitisse manter o distanciamento social, além de proporcionar um momento memorável. Assim, a bordo de sua motocicleta elétrica Harley-Davidon LiveWire, percorreu um trajeto entre a fronteira mexicana dos Estados Unidos e a canadense usando a West Coast Green Highway, uma rede de estações de carregamento rápido (DC) de veículos elétricos localizadas a cada 40 ou 80 quilômetros ao longo da Interstate 5 e outras estradas principais dos Estados de Washington, Oregon e Califórnia. "Queria fazer parte da história da Harley-Davidson e mostrar ao mundo que a infraestrutura de carregamento elétrico está crescendo e ser uma inspiração para que outros experimentem andar em uma moto elétrica como a LiveWire", disse Cardenas, que pilotou mais de 2.250 quilômetros e, no dia de seus cinquenta anos, alcançou seu objetivo chegando à cidade fronteiriça canadense de Blaine, no Estado de Washington. Ao longo do caminho, ele fez transmissões ao vivo ("lives") reportando o seu progresso nas redes sociais. Também fez muitas paradas ao longo do caminho para passear com sua mulher e a filha, de oito anos, que estavam viajando de carro e acompanhando o motociclista em seu percurso. "A viagem foi inacreditável, uma ótima jornada", comemorou Cardenas.

Mudanças cromáticas
Yamaha R3 2021: divulgação
A atual geração da Yamaha R3 chegou em agosto de 2020 e, um ano depois, o modelo 2021 vem com alterações de cores e grafismos e sem qualquer inovação mecânica ou eletrônica. A marca japonesa apresentou a novidade durante uma "live", que envolveu a imprensa especializada e pilotos da marca. A nova R3 2021 pode ser encontrada na cor Racing Blue, em que o azul contrasta com detalhes em cinza, e na inédita Matt Silver, na qual predomina o tom cinza fosco. Além disso, está disponível a versão Monster MotoGP Edition, com grafismos inspirados na máquina usada pela equipe de fábrica da Yamaha no Mundial. O motor continua a ser o de 321 cm³ com dois cilindros paralelos, o mesmo que move a R3 desde 2015, quando foi apresentada no Brasil, com 42,01 cavalos a 10.750 rpm e 3,02 kgfm a 9 mil rpm. A R3 chega às concessionárias até o fim da primeira quinzena de agosto. Os preços sugeridos, que não consideram frete ou seguro, são de R$ 26.990 na Midnight Black e na Monster MotoGP Edition e de R$ 26.490 nas demais.

Jeito mais seguro  

três motos na estrada: divulgação
A seguradora Tokio Marine passa a oferecer coberturas básicas contra colisão, incêndio, roubo e furto, além de assistência vinte e quatro horas e Responsabilidade Civil (RCV-F) a diversos modelos de motocicletas, de scooters a modelos de alto desempenho. "A cobertura de Responsabilidade Civil é um diferencial bastante importante para esse público, uma vez que a maioria dos acidentes de moto envolve terceiros", explica Luiz Padial, diretor da Tokio Marine. Estão aptos ao seguro modelos Honda, Yamaha, BMW, Triumph, Suzuki, Kawasaki, KTM, Dafra e Harley-Davidson, cuja finalidade seja lazer e/ou locomoção diária. Ficam excluídas da oferta motos cujo uso seja comercial, ou seja, destinado ao transporte e à entrega de objetos e mercadorias. Um diferencial que a companhia apresenta em seu portfólio é a cobertura de Indenização Integral. Sua contratação prevê indenização exclusivamente para sinistros que configurem perda total, isso é, nos quais o custo do reparo fique acima de 75% do valor contratado. "Queremos levar nossa expertise e qualidade a esse público, que em muitos casos já conhece a Tokio Marine, e está em busca de uma alternativa de proteção e segurança para complementar suas opções de deslocamento no trânsito", completa Padial.

Harmonizando  

Yamaha Lander 250 2021: divulgação
A linha 2021 da Yamaha Lander 250 chega às concessionárias com nova cor e preço atualizado. No ano passado, a trail passou por uma grande reformulação. Herdou o estilo da sua "irmã" maior XT 660 e evoluiu em diversos aspectos, desde aumento em 2,5 litros na capacidade do tanque de combustível até novos painel e chassi. Seu lançamento foi responsável por tirar a Ténéré 250 de linha. A Lander 250 2021 traz novos grafismos e cor. As Competition Blue (azul) e Black Eclipse (preto) foram mantidas, apenas recebendo novos adesivos, que agora têm cores mais harmonizadas com o restante da moto. Na versão em preto, as cores do grafismo ficam restritas a tons de cinza mais claro e escuro, combinando com preto. Antes, havia detalhes em dourado. Já na cor azul, saem os detalhes em vermelho dos adesivos e entra essa mesma combinação de tons de cinza e preto. A grande novidade da Lander 250 2021 é a cor Dakar Areia (bege) que já havia sido aplicada na Crosser 150. A nova cor remete à pegada mais aventureira traz um grafismo diferenciado. A Lander 250 2021 tem preço sugerido de R$ 18.390 mais frete.