EUA anunciam mais sanções contra Rússia, por 'guerra brutal' na Ucrânia EUA anunciam mais sanções contra Rússia, por 'guerra brutal' na Ucrânia

EUA anunciam mais sanções contra Rússia, por 'guerra brutal' na Ucrânia

EUA anunciam mais sanções contra Rússia, por 'guerra brutal' na Ucrânia

O governo dos Estados Unidos anunciou nesta terça-feira, 2, em comunicado, novas sanções contra a Rússia, por causa da 'guerra brutal' conduzida pelo país na Ucrânia. O secretário de Estado americano, Antony Blinken, diz que estão sendo designados oligarcas russos, entidades estatais e 'autoridades ilegítimas' como alvos da medida.

Três oligarcas russos foram punidos pelos EUA hoje, Dmitry Aleksandrovich Pumpyanskiy, Andrey Igorevich Melnichenko e Alexander Anatolevich Ponomarenko. Além disso, a Joint Stock Company State Transportation Leasing Company e quatro de suas subsidiárias também foram punidas.

>

O Departamento de Estado também puniu quatro outros indivíduos e uma entidade que 'operam ilegitimamente em território da Ucrânia, em colaboração com a Rússia'. Vários dos alvos foram designados por aliados e parceiros dos EUA, diz o texto.

Com a punição, ativos dos EUA desses indivíduos ou empresas são congelados, explica o comunicado.

Mais Notícias

Mais Notícias