Senadora australiana é criticada ao chamar a rainha Elizabeth de 'colonizadora' Senadora australiana é criticada ao chamar a rainha Elizabeth de 'colonizadora'

Senadora australiana é criticada ao chamar a rainha Elizabeth de 'colonizadora'

Senadora australiana é criticada ao chamar a rainha Elizabeth de 'colonizadora'

A senadora australiana de origem aborígene Lidia Thorpe descreveu a rainha Elizabeth II como 'colonizadora' durante o juramento que fez diante dos parlamentares australianos nesta segunda-feira, 1.º de agosto, despertando críticas de seus colegas.

Segundo o jornal britânico The Guardian, Lidia Thorpe, uma senadora do partido Verde, foi repreendida por seus colegas parlamentares. Uma delas grita 'Você não é senadora se não fizer isso corretamente'.

Na semana passada, quando os senadores tomaram posse oficialmente, Lidia não estava presente, por isso ela realizou o juramento na manhã desta segunda.

Um vídeo mostra a senadora caminhando para o plenário do Senado com o punho direito erguido no ar. Ela então é orientada a recitar palavras escritas em um cartão, começa a ler, mas faz a descrição. No mesmo instante, ela é repreendida pelos colegas.

'Eu, Lidia Thorpe, juro solene e sinceramente que serei fiel e manterei verdadeira lealdade à colonizadora, sua majestade, a rainha Elizabeth II', disse ela. A palavra 'colonizadora' não está no juramento formal.

A presidente do Senado pede que Lidia leia novamente o juramento, de acordo com o que está escrito. A senadora ergue o braço direito novamente, quando é possível escutar algum de seus colegas dizendo que 'ninguém gosta daquele gesto'.

Da segunda vez, Lidia lê o juramento corretamente, mas de forma irônica.

A Austrália é um dos países que compõem Commonweatlh e ainda tem a rainha Elizabeth II como chefe de Estado.

Mais Notícias

Mais Notícias