Aguarde...

colunistas e blogs

BLOG: Kawasaki Ninja com 210cv de potência custa R$ 140 mil

O modelo, que chega às concessionárias em dezembro, complementa a gama sport-touring da marca japonesa no País

| Especial para ACidade ON

Kawasaki Ninja H2 SX Se+ se destaca pela potência do motor supercharged de 998 cm3
A nova Kawasaki Ninja H2 SX SE+ chega às concessionárias em dezembro para complementar a gama sport-touring da marca japonesa no País. O modelo se destaca pelo desempenho do motor supercharged de 998 cm3, que alcança potência máxima de 210 cv, oferecendo além de uma aceleração progressiva e eficiência energética (que resulta em uma maior autonomia), mais conforto para uma experiência touring e uma série de outros itens que a tornam o modelo mais avançado da linha.  O modelo está disponível na rede de concessionárias da marca com Preço Público Sugerido de R$ 139.990,00 (sem frete) na cor Metallic Graphite Gray/Metallic Diablo Black/Emerald Blazed Green.

A nova versão da H2 SX é equipada com suspensão eletrônica KECS de última geração, controles de largada, tração e cornering ABS, central inercial (IMU), controles de tração e largada, quatro diferentes modos de pilotagem e freios Brembo Stylemma com sistema ABS KIBS. Traz transmissão de engate rápido do tipo dog-ring atuando em conjunto com quick shifter bidirecional, que elimina a necessidade de uso da embreagem; faróis auxiliares de LED direcionais instalados nas laterais da carenagem; painel colorido TFT customizável, de fácil visualização; e itens de conveniência como Electronic Cruise Control e aquecedor de manoplas.

Conectividade

O modelo conta, ainda, com a opção de conectividade com o celular por meio do aplicativo Rideology The App (disponível para iOS e Android), que possibilita que o condutor defina todas as configurações da motocicleta direto no celular, os modos de condução e a pré-carga da suspensão traseira, dependendo da carga que irá transportar. Também é possível configurar freio motor, suspensões, modos de potência e controle de tração.
Motocicleta conta com quatro modos de pilotagem
O Rideology The App ainda permite registrar as rotas, com informações completas da posição do acelerador, pressão do freio, marcha engatada, rotações do motor e a temperatura do líquido de refrigeração. E para completar, o piloto tem acesso a todas as informações do veículo, incluindo odômetro, tempo total em operação, marcadores parciais de quilometragem, nível de combustível, autonomia disponível, consumo e velocidade médios, ângulos máximos de inclinação, carga da bateria, quilômetros restantes para a próxima revisão e trocas de óleo.

Modos de Pilotagem

Os modos de pilotagem integrados - que estão vinculados ao KTRC, ao Modo de Potência e ao KECS - permitem que os pilotos definam com eficiência o controle de tração, o fornecimento de energia e a suspensão para atender a uma determinada situação de pilotagem.
O condutor pode selecionar entre três configurações (Sport, Road e Rain) ou uma manual (Rider). Neste último modo, cada um dos sistemas pode ser ajustado de forma independente:.
- Sport: permite que o piloto desfrute de mais esportividade em roteiros mais sinuosos.
- Road: oferece uma condução confortável em várias situações, da cidade para velocidade de cruzeiro em rodovias.
- Rain: oferece ainda mais segurança em pisos molhados.

Os modos podem ser alterados mesmo durante a pilotagem. Para isso basta o piloto acionar um botão na manopla esquerda,

Mais do ACidade ON