Aguarde...

ACidadeON Campinas

boa

COLUNA: Territory amplia portfólio de SUVs da Ford no Brasil

Veículo utilitário esportivo está confirmado no mercado brasileiro e argentino em 2020

| Especial para ACidade ON

Territory é a nova SUV da Ford (Foto: Divulgação) 

A Ford do Brasil amplia o seu portfólio de SUV no mercado nacional. Primeiro foi a nova geração do EcoSport, inclusive sem o pneu na tampa do porta-malas, depois o espetacular Edge e agora o Territory. Apresentado no último Salão do Automóvel de São Paulo, no final do ano passado, o veículo utilitário esportivo Ford Territory está confirmado no mercado brasileiro e argentino em 2020. A marca fez esta semana em São Paulo mais uma pré-apresentação do modelo, que será destaque durante o Rock in Rio 2019, evento que a marca vai patrocinar.  O Territory é um SUV que chegará para brigar com o Honda CR-V, VW Tiguan, Toyota RAV4 e, principalmente, o Jeep Compass. Equipado com motor 1,5 litro turbo, o Territory tem bom espaço interno e muita tecnologia embarcada. A conectividade é outro ponto forte: além de carregamento sem fio para celular, traz painel de instrumentos com telas de 10 polegadas e uma câmera de visão 360 graus.  

Otimismo na economia
Lyle Watters, presidente da Ford América do Sul, deu entrevista e falou do seu otimismo em relação às perspectivas de crescimento econômico do Brasil e da Argentina, os dois maiores mercados da região. Ele destacou os acordos com o Mercosul e a União Europeia. "Esse acordo é um dos maiores já celebrados no mundo. Ele terá uma implantação gradual, mas vai mudar as relações do Brasil e da Argentina com o mundo. Achamos isso muito importante para a região e em particular para o setor automotivo e vai exigir um intenso trabalho para elevar a nossa competitividade", disse. Watters apontou também a aprovação da reforma da Previdência e os esforços do governo e do Congresso em direção ao realismo fiscal como pontos favoráveis dessa evolução. "Na minha visão, esses são os combustíveis para um crescimento sustentável da economia", afirmou.  

Oitava geração do Golf deve ser apresentado no fim de setembro na Europa (Foto: Divulgação)

Nova geração
Vazaram imagens da oitava geração do Volkswagen Golf. O modelo deve ser apresentado no final de setembro na Europa e sem data para desembarcar por aqui. Porém, como se tem visto nos últimos tempos, a marca alemã no Brasil tem encurtado esses prazos, então o carro deve estar no mercado nacional no primeiro trimestre de 2020. O modelo muda pouco. As maiores alterações ficam nas lanternas traseiras, mais finas, assim como os faróis.   

Puritalia Berlinetta: clássico e moderno (Foto: Divulgação)

Berlinetta elétrica 
Um belíssimo híbrido esportivo vai ser apresentado no refinado Salon Privé, na Inglaterra, em setembro. O modelo já foi mostrado no último Salão de Genebra, em março, e ganhou uma legião de fãs. Com linhas clássicas e retrô, o modelo tem uma harmonia com as tecnologias modernas.  

Puritalia Berlinetta: clássico e moderno (Foto: Divulgação)

A Puritalia Berlinetta conta com um motor V8 de 5 litros com 730 cavalos e associado à unidade elétrica instalada no eixo traseiro, que fornece adicionais 215 cavalos e 370 Nm. Juntos, produzem impressionantes 964 cavalos e 1248 Nm. O câmbio é de sete velocidades. Apenas com o motor elétrico, o esportivo tem autonomia de somente 20 quilômetros. O Berlinetta pode atingir a velocidade máxima de 335 km/h e fazer de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos.   

Cronos tem novidades na linha 2020 (Foto: Divulgação)

Beleza italiana
Há alguns anos, quando a FCA decidiu rever toda a sua produção de automóveis, muita gente torceu o nariz. Os meios talvez não foram os mais corretos, mas a estratégias foram. Dessa decisão surgiram dois modelos que se destacam no mercado nacional: o Argo e o Cronos. Agora, o Cronos, que já vendeu mais de 40 mil unidades, ganha a linha 2020. Além das novidades embarcadas, o modelo agora conta com uma versão esportiva: a HGT 1,8 automática.   

Sexta geração do Porsche 911 GT3 foi apresentada em Genebra (Foto: Divulgação)

20 anos de velocidade
No início de 1999, portanto há 20 anos, a marca alemã Porsche lançou o 911 GT3. Ou seja, pela primeira vez, um carro desenvolvido para as pistas de competição foi adaptado para andar nas ruas e estradas. O Porsche GT3 foi produzido para correr na categoria GT3 (de superesportivos) e Endurance. Apesar do preço, logo se transformou num sucesso, afinal, proporcionava ao proprietário poder ser um sortudo, mas tranquilo, motorista durante a semana e um piloto amador nos finais de semana. Existem em todo o mundo corridas nos finais de semana para esses proprietários especiais. Também apresentada no Salão do Automóvel de Genebra deste ano, a sexta e atual geração do Porsche 911 GT3 conta com motor boxer (cilindros opostos) de seis cilindros, quatro litros, permitindo chegar a uma potência máxima de 500 cavalos a 8.250 rpm e torque máximo de 460 Nm a 6.000 rpm. A transmissão é de dupla embreagem com sete velocidades, especialmente ajustada para corrida. O modelo acelera de 0 a 100 km/h em 3,4 segundos e atinge a velocidade máxima de 318 km/h. Para os puristas, é oferecida sob encomenda uma transmissão manual de seis velocidades, que torna o carro meio segundo mais lento na aceleração, mas aumenta a velocidade máxima em dois quilômetros por hora.  

São Paulo Porsche Clube e o Outback do Galleria Shopping reuniram apaixonados pelo Porsche (Foto: Divulgação)
Encontro no Galleria
Porsche é uma paixão em todo o mundo. E o São Paulo Porsche Clube e o Outback do Galleria Shopping, em Campinas, proporcionaram na manhã do último sábado (03.08), um encontro de apaixonados da marca. Apesar do frio, dezenas de proprietários, até de fora da cidade, se juntaram para mostrar as suas preciosidades. Tinha de modelos antigos até os atuais, alguns bem exclusivos.   

SP2, Kombi e Fusca fizeram bonito na Alemanha (Foto: Divulgação)

Fez bonito
E o Brasil foi destaque numa das mais tradicionais feiras de automóveis na Alemanha. A 14° edição do Schloss Dyck Classic Days contou com um estande onde estavam três preciosidades produzidas em São Bernardo do Campo: um SP2 1976, uma Brasília 1980, uma Kombi Last Edition 2013 (a última geração do utilitário produzido no Brasil), vários Fuscas produzidos entre 1970 e 1980 e um Gurgel X12 1978. Isso no meio de Porsches, Audis, Bentleys e Bugattis, marcas da Volkswagen. Com o tema "Feito no Brasil - Bom local", o evento homenageou os produtos e os 60 anos de atividades da fábrica da Anchieta. A exposição vai percorrer outras cidades da Alemanha e os modelos brasileiros estarão entre os 180 veículos expostos na cidade de Wolfsburg, na Autostadt.

Eita violência
Em 8 de agosto, foi comemorado o Dia Mundial do Pedestre. E os pedestres representam a segunda categoria que mais recebe o benefício do seguro DPVAT por acidentes de trânsito, ficando atrás dos motoristas. Segundo a Seguradora Líder, de janeiro a junho deste ano, foram pagas cerca de 260 indenizações por dia. Só este ano, mais de 155 mil indenizações já foram pagas a vítimas de ocorrências e seus beneficiários, em todo o país. Dessas, 46.866 foram para pedestres, sendo 5.363 por morte, 36.137 para pessoas que ficaram com algum tipo de invalidez permanente e 5.366 para o reembolso de despesas médicas e suplementares. Na maior parte dos casos, as motocicletas estavam envolvidas nos acidentes, somando 28.861 benefícios concedidos. Em seguida, estão os acidentes envolvendo automóveis: 13.779. Além disso, a maioria das vítimas tinha entre 45 e 64 anos (12.400 indenizados).

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON