Aguarde...

ACidadeON Campinas

boa

Ora-pro-nobis: do jardim para a mesa

Riquíssima em proteína e nutrientes, a planta ornamental vem ganhando protagonismo no Brasil; Conheça essa PANC deliciosa e fácil de ser cultivada

| ACidadeON/Ribeirao

Ora-pro-nobis (Foto: Weber Sian / ACidade ON)

Uma plantinha fácil de cultivar, utilizada como elemento ornamental em jardins e, muitas vezes, considerada uma erva daninha por se alastrar facilmente, a Ora-pro-nobis vem saindo do jardim e ganhando a atenção de chefs de cozinha e aventureiros da cozinha. Tudo porque foi comprovado que ela tem uma altíssima concentração de nutrientes e rica em proteína, além de um sabor surpreendente. 

Mas, que nome é esse? 

A Pereskia Aculeata é um arbusto da família Cactaceae (cactos). Suas folhas e frutos são comestíveis e contém grandes quantidades de proteína, ferro e outros nutrientes e muito popular em algumas regiões de Minas Gerais. Seu nome mais popular, ora-pro-nóbis, vem do do latim e quer dizer "ora por nós" ou "rogai por nós". 

Por fazer parte da família das PANCs (Plantas Alimentícias Não-Convencionais), o vegetal pode ser comumente encontrado em terrenos baldios e jardins, o que nos dá um alerta na hora de consumi-lo. É muito importante a higienização com água corrente e molho em solução de hipoclorito por cerca de 15 minutos para eliminação de fungos e bactérias. 

No entanto, a planta também vendo sendo cultivada por produtores de alimentos orgânicos devido à alta demanda. A ora-pro-nobis é procurada, especialmente, por veganos e vegetarianos por ser uma ótima fonte de proteína, sendo uma substituta para o consumo de carne, por exemplo. 
 
Chef Fernanda Silva Perroni mantém em sua horta uma plantação de ora-pro-nobis (Foto: Weber Sian / ACidade ON)
Para a chef Fernanda Silva Perroni, que mantém uma horta e cultiva ora-pro-nobis em seu restaurante, o Compotta Comida Casual, a planta tem sido vista como um excelente ingrediente pela sua cor atraente, facilidade de cultivo e potencial nutritivo. Cerca de 25% da planta são compostos por proteína. Segundo ela, é justamente por isso que a planta é tão querida pelos veganos. Entre seus aminoácidos, temos a lisina e o triptofano em maior quantidade. O cacto tem um elevado teor de vitamina C, que supera a laranja em 4 vezes. 

"Ela tem uma textura macia, fácil de mastigar. Pode fazer parte de recheios, saladas, refogados, sopas, como pesto, crua e onde mais sua imaginação de culinarista permitir. O que mais me encanta nesta Panc é sua versatilidade", diz. 
 
Pastel de palmito de taboa com ora-pro-nobis (Foto: Weber Sian / ACidade ON)
Apaixonado por Pancs  

O jornalista Gabriel Castaldini é um confesso apaixonado por plantas alimentícias não-convencionais, já que foi com a ajuda delas que ele chegou a emagrecer 42 quilos depois de uma reeducação alimentar. Depois dessa transformação, Gabriel criou o canal Pancada Na Cozinha, onde ensina receitas com as Pancs de uma maneira prática e bem-humorada. 

Segundo ele, desde que passou pela reeducação alimentar e começou a cozinhar utilizando as PANCs, ouvia de muita gente que precisava provar a tal da "carne dos pobres", título popularmente associado à ora-pro-nobis. "Quis saber o porquê de ela ser chamada assim e me surpreendi com a quantidade absurda de proteína vegetal que ela fornecia, e daí vinha o tal "carne de pobre", porque, com tanto "poder", ela seria capaz de suprir a necessidade da carne animal. Também fiquei surpreso ao saber que os frutos são ricos em carotenoides quando maduros, e em vitamina C quando imaturos", explica.  

Após o primeiro contato, o jornalista se apaixonou pela planta e desenvolveu alguns pratos, cujo passo-a-passo é mostrado em seu canal no Youtube, Instagram e Facebook. "Uma salada de folhas e flores de aculeata fica linda e incrivelmente nutritiva. As folhas são crocantes e, na parte interna, um pouquinho mucilaginosas (têm uma babinha). Resumindo, é uma delícia. Suco de laranja com cenoura e aculeata também fica maravilho", indica. 

Gabriel ainda dá uma dica valiosa para quem começou a se aventurar pelo universo da ora-pro-nobis. Segundo ele, se houver dúvidas sobre como preparar de uma maneira fácil, basta pensar nela como uma couve. "Tudo o que você quiser fazer com couve, pode fazer com a ora-pro-nobis". 

RECEITA
Spaghetti de pupunha com pesto de Ora-Pro-Nobis
Ingredientes:
150g espaguete de pupunha
2 colheres de sopa de pesto de ora-pro-nobis (fazer no mixer com 12 folhas grandes e 1/2 xícara de azeite virgem)
Flores comestíveis como capuchinha
Sal a gosto
Modo de preparo: Refogar o espaguete com azeite e juntar o pesto de ora-pro-nobis. Decorar com as flores. Porção individual. 
 
Spaghetti de pupunha com ora-pro-nobis (Foto: Weber Sian / ACidade ON)


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON