Publicidade

brasilemundo

Nova arma hipersônica da China viaja 5 vezes mais rápida do que o som

Conselho Nacional de Segurança dos EUA diz que 'desenvolvimento é preocupante'

| Estadao Conteudo -

 

Nova arma hipersônica testada pela China (Foto: Reprodução/Youtube)

Por Redação O Estado de S. Paulo
A China testou uma arma hipersônica em julho com uma tecnologia que permitia disparar um míssil de um veículo planador a uma velocidade cinco vezes superior à velocidade do som - capacidade que nenhum país demonstrou até hoje, informou o jornal britânico "Financial Times" no domingo, 21.

O avanço permitiu à China lançar um artefato com o chamado veículo planador hipersônico acoplado, uma espaçonave manobrável que viaja muito rápido e pode carregar uma ogiva nuclear ou normal.

No teste, ao atingir determinada altura, o míssil balístico se separou do veículo planador e conseguiu manobrar e atingir velocidade hipersônica durante o voo sobre o Mar do Sul da China, um território disputado e palco de tensões geopolíticas.

Especialistas da Darpa, a agência de pesquisa avançada do Pentágono, permanecem sem saber como a China superou as restrições da física disparando mísseis de um veículo viajando a velocidades hipersônicas.

Eles também estão debatendo a finalidade do projétil: se era um míssil ar-ar, de ataque, ou um foguete de contramedida, usado para destruir os sistemas de defesa antimísseis de outros países para que eles não pudessem abater a arma hipersônica em ação.

PREOCUPANTE

Tanto a Rússia como os EUA têm desenvolvido armas hipersônicas há vários anos, mas a tecnologia chinesa é muito mais desenvolvida do que a do Kremlin ou do Pentágono. "Esse desenvolvimento é preocupante, como deveria ser para todos os que procuram a paz e a estabilidade na região e além dela", declarou ao Financial Times um porta-voz do Conselho Nacional de Segurança dos EUA. "Isso também tem relação com a nossa preocupação sobre qual a capacidade militar da República Popular da China."

O veículo hipersônico que disparou o míssil foi lançado ao espaço a partir de um sistema de bombardeio orbital que consegue sobrevoar o Polo Sul. Este é também um ponto que preocupa os americanos, porque permitiria a Pequim evitar as defesas dos mísseis dos EUA, voltadas para disparos que vêm do Polo Norte.

Embora os mísseis hipersônicos tenham provado que podem voar a velocidades nunca alcançadas e cobrir as distâncias pretendidas com manobras, alguns deles erraram o ponto de impacto por até 40 km - caso do sofisticado planador nuclear da China, que precisa do apoio de um foguete pesado no lançamento. 

RESPOSTA 

A embaixada chinesa nos EUA disse que "não estava ciente" do teste do míssil. "Não estamos absolutamente interessados em uma corrida armamentista com outros países", disse Liu Pengyu, o porta-voz da embaixada.

Publicidade

Últimas Notícias

Pesquisa aponta crescimento de aplicativos no Brasil
PF indicia empresa grega, dona de navio, por espalhar óleo pelo litoral
Capital paulista cancela a festa de Réveillon
MJ estabelece normas para visitas íntimas nas penitenciárias do país
Ibama abre inscrição para concurso público com 568 vagas
Lei confere a Lagoa Vermelha o título de Capital Nacional do Churrasco
Caso da Boate Kiss vai a júri oito anos após tragédia
Vídeo: funcionários de funerária reagem a assalto em Mogi Mirim
UE estima aprovar vacina contra nova variante da covid em 3 a 4 meses
Distrito Federal investiga caso suspeito da variante Ômicron
Índia promete mais vacinas contra covid à África após anúncio chinês
Com variante e nova onda na Europa, cidades brasileiras cancelam festas de réveillon
Ômicron: BH investiga se paciente vinda do Congo foi infectada pela variante
Resultado do Enem será divulgado em 11 de fevereiro
Principal resposta contra ômicron é vacinação, diz ministro
Cinquenta e dois pesquisadores da Capes anunciam renúncia coletiva
31 pesquisadores da Capes na área de avaliação anunciam renúncia coletiva
Maioria de vacinas doadas à África tem validade curta, dizem entidades
Venezuela terminará 2021 como o país mais pobre da América Latina

Publicidade

Viu Essa?

Juliette Freire faz reflexão no aniversário de 32 anos: ano mais louco da minha vida
Chico Pinheiro faz strip-tease ao vivo para comemorar o bi do Atlético-MG
Nunca me achei cantora, diz Xuxa, que surgirá em nave no prêmio Multishow

Mais notícias


Publicidade