Publicidade

brasilemundo

Mineradora evacua área de inundação do Dique Lisa, em Nova Lima (MG)

Dique Lisa, que transbordou no sábado, teve nível de emergência alterado para 3

| Estadao Conteudo -

Lama na BR-040 após transbordamento de dique de barragem (Foto: Divulgação/Via 040)

Por Aramis Merki II
O Dique Lisa, que transbordou em Nova Lima (MG) no sábado, 8, teve o nível de emergência alterado para três - o que significa uma situação de emergência elevada, com maior rigor na aplicação do Plano de Ação de Emergência para Barragens de Mineração (PAEBM).

A informação foi compartilhada neste domingo, 9, pela Vallourec, empresa que desenvolve atividades de extração de minério de ferro na Mina Pau Branco, onde está situado o Dique Lisa, que carrega rejeitos de mineração. Em decorrência desse transbordamento as sirenes foram acionadas ontem pela manhã, e a BR 040 foi interditada.

O nível três de emergência exige a evacuação das pessoas residentes na área da mancha de inundação, o que já foi feito, segundo a Vallourec. A empresa informou que havia "poucos" moradores na região, mas não citou a quantidade.

A companhia acrescentou que está providenciando a remoção de mais de 400 animais silvestres para criadouros e viveiros credenciados por órgãos ambientais, em um trabalho em parceria com especialistas em fauna silvestre.

A Vallourec apontou que a estrutura do Dique Lisa, que tem como função o controle da vazão da água pluvial, permanece estável, reiterando que não há registros de vítimas fatais da referida ocorrência.

A companhia ainda reforçou que a Barragem Santa Bárbara - também dentro da Mina do Pau Branco - possui estrutura distinta do Dique Lisa e está localizada em ponto diferente. Esta outra barragem guarda apenas água e sedimentos, sem rejeitos de mineração, e "operava normalmente, em nível zero de criticidade e dentro dos parâmetros previstos na legislação vigente", segundo informações da empresa.

Publicidade