Covid-19: Campinas tem mais 13 mortes e 648 novos casos Covid-19: Campinas tem mais 13 mortes e 648 novos casos

Covid-19: Campinas tem mais 13 mortes e 648 novos casos

Entre as mortes confirmadas hoje, sete eram mulheres e seis homens; a mais nova, era uma mulher de 34 anos

Prefeitura atualizou os números de covid-19 na cidade (Foto: Karen Fontes/Código19)
A Prefeitura de Campinas atualizou na manhã desta quarta-feira (20) os números da covid-19 na cidade. Segundo o novo boletim, foram confirmados de ontem para hoje 648 novos casos, com mais 13 vítimas fatais.

Entre as mortes confirmadas hoje, sete eram mulheres e seis homens. A mais nova, era uma mulher de 34 anos que morreu no dia 10 deste mês (veja a relação completa abaixo).

Com a atualização, a cidade chegou ao número de 57.220 pessoas infectadas na cidade, e 1.579 vítimas fatais. Ainda estão em investigação na cidade 651 casos e 11 mortes suspeitas.

Do total de casos confirmados, 241 permanecem internadas nos hospitais da cidade, 54.905 já se recuperaram e 375 estão em isolamento domiciliar.

Sobre as vítimas:

- Mulher de 83 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 15 de janeiro em hospital privado. oOexame foi em hospital privado.

- Mulher de 75 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 18 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 68 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 19 de janeiro em hospital público. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 67 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 14 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 71 anos. Não tinha comorbidades. Morreu dia 15 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Mulher de 75 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 17 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 71 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 12 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 86 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 16 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Mulher de 92 anos. Não tinha comorbidades. Morreu dia 17 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 63 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 9 de janeiro em hospital público. O exame foi no laboratório do Instituto Adolfo Lutz.

- Mulher de 67 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 18 de janeiro em hospital público. O exame foi no laboratório do Instituto Adolfo Lutz.

- Mulher de 72 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 19 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Mulher de 34 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 10 de janeiro em hospital público. O exame foi no laboratório do Instituto Adolfo Lutz.


Mais Notícias

Mais Notícias