IBGE: inscrições para 604 vagas em Campinas terminam hoje IBGE: inscrições para 604 vagas em Campinas terminam hoje

IBGE: inscrições para 604 vagas em Campinas terminam hoje

Em Campinas, a ação começou mas ainda é necessária a contratação de mais recenseadores para percorrerem todos os bairros da cidade

IBGE tem vagas para o Censo 2022 (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)
 
Termina nesta quarta-feira (3) o período de inscrição para o processo seletivo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) que visa a contratação de trabalhadores temporários para o Censo Demográfico 2022. Em Campinas, a seleção tem 604 vagas. 

Ao todo, no país são 15.075 vagas para o cargo de recenseador, que exige nível fundamental completo. 

As inscrições, gratuitas, começaram na última quinta-feira (28). A previsão era de encerramento do prazo de cadastro na segunda-feira (1º), mas ele foi prorrogado pelo órgão federal. 

Para se inscrever, é preciso que os candidatos levem o formulário de inscrição, disponível no Anexo III do edital, preenchido e assinado até um dos postos do IBGE listados no quadro de vagas.  

LEIA MAIS  
 
Emprego na Expoflora: rede de restaurantes abre 100 vagas de trabalho 
 
Censo 2022: coleta de dados começa; Campinas tem 600 vagas 
 
Hopi Hari abre mais 40 vagas de emprego em Vinhedo 

 
O CENSO 2022 

O Censo Demográfico 2022 começou na segunda-feira em 5.570 municípios do país. Os recenseadores do IBGE vão visitar cerca de 89 milhões de endereços. A estimativa é de que sejam contabilizados cerca de 215 milhões de pessoas. O custo total da pesquisa é de R$ 2,3 bilhões. 

As entrevistas deveriam ter acontecido em 2020, mas por causa da pandemia da covid-19, o trabalho foi adiado.

Em Campinas, a ação começou mas ainda é necessária a contratação de mais recenseadores para percorrerem todos os bairros da cidade
. De acordo com o IBGE, em Campinas são 452.866 domicílios a serem visitados e 1.305 profissionais devem fazer o trabalho.

Segundo a coordenadora censitária do IBGE, em Campinas, Miria Borges de Amorim, quase metade dessas vagas ainda não foram preenchidas.

O CARGO


O recenseador tem como principal função entrevistar os moradores durante a coleta. Como a remuneração é por produção, ela pode variar de acordo com o tempo dedicado ao trabalho e o grau de dificuldade na abordagem aos domicílios.

A jornada de trabalho recomendável para a função é de, no mínimo, 25 horas semanais, além da participação integral e obrigatória no treinamento. 

A previsão de duração do contrato é de até três meses, com possibilidade de prorrogação.

REMUNERAÇÃO

Segundo informações do Instituto, o pagamento será por produção, calculada por setor censitário, conforme taxa fixada e de conhecimento prévio pelo recenseador, de unidades recenseadas (domicílios urbanos e/ou rurais), tipo de questionário (básico ou amostra), pessoas recenseadas e registro no controle da coleta de dados.

Em Campinas, por exemplo, uma pessoa que trabalhar no cargo por 25 horas semanais deverá receber, no mês, R$ 1.537,96. Se optar por 50 horas por semana, a remuneração mensal pode chegar a 3.107,96.

É possível calcular uma estimativa neste simulador. A previsão de duração de contrato do recenseador é de três meses, podendo ser prorrogado.

VAGAS EM CAMPINAS

Em Campinas, são 452 vagas em ampla concorrência, 122 vagas para pessoas pretas ou pardas e 30 vagas para pessoas com deficiência. As vagas também são distribuídas por região: 


VAGAS NA REGIÃO DE CAMPINAS E CIRCUITO DAS ÁGUAS:   




Mais Notícias

Mais Notícias