Idoso fica em estado grave após ser atropelado na Campos Sales, em Campinas Idoso fica em estado grave após ser atropelado na Campos Sales, em Campinas

Idoso fica em estado grave após ser atropelado na Campos Sales, em Campinas

Idoso foi socorrido pelo Samu em estado grave e inconsciente após ser atropelado no Centro de Campinas

Acidente aconteceu na Av. Campos Salles, em Campinas (Foto: Fernanda Almeida)

Um idoso ficou em estado grave após ser atropelado no começo da tarde desta terça-feira (2) na Avenida Campos Sales, no Centro de Campinas. De acordo com a Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas), o acidente ocorreu à 13h30.

Segundo o Samu, que atendeu a ocorrência, o idoso foi socorrido inconsciente e em estado grave. Ele foi levado para o Hospital Municipal Dr. Mário Gatti.

Ainda de acordo com a Emdec, a vítima  atravessava a rua do Centro de Campinas fora da faixa de pedestres no momento do acidente. O idoso teria cerca de 70 anos.
  
 
LEIA TAMBÉM 
 
Mulher esfaqueada em Valinhos está em estado grave na UTI


Emprego na Expoflora: rede de restaurantes abre 100 vagas de trabalho


INVESTIGAÇÃO DA POLÍCIA

A Polícia Civil de Campinas apura o desaparecimento do líder espiritual que é investigado por abusar sexualmente de mulheres que frequentavam um terreiro de umbanda da cidade. O idoso de 70 anos não é mais visto desde a madrugada do último dia 29.

Segundo familiares, o homem sumiu quando estava em uma chácara às margens do Rio Atibaia, no distrito de Barão Geraldo. O caso foi registrado no 4º DP (Distrito Policial) e depois foi enviado à DHPP (Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa).

O imóvel pertence à associação espiritual na qual o investigado trabalhava e foi visitado por ele um amigo com o intuito de fazer uma atividade religiosa. Depois de um tempo, porém, o líder espiritual pediu para ficar sozinho na beira do rio e não foi mais visto.

APURAÇÃO NA DDM

A 1ª DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de Campinas instaurou no dia 14 de julho um inquérito para investigar as denúncias de assédio e abuso sexual contra o diretor espiritual de um terreiro de umbanda, em Campinas.

Os relatos partiram de mulheres que integram a equipe de atendimento da casa. O homem trabalhava como terapeuta do local e foi afastado das funções em 29 de junho, assim que a associação espiritual soube das acusações contra ele. 
 
LEIA MAIS 
 
'PodFalar, Mãe!': novo episódio aprofunda discussão sobre tecnologia e desenvolvimento infantil


Mais Notícias

Mais Notícias