Operação contra roubos de carga prende dois em Campinas Operação contra roubos de carga prende dois em Campinas

Operação contra roubos de carga prende dois em Campinas

Roubos aconteciam quando veículos de cargas de cigarros saíam para entrega; veja bairros onde Deic tinha mandado de busca e prisão

Policiais da Deic realizam operação contra roubo de cargas em Campinas (Foto: Divulgação/Deic Campinas)
Duas pessoas foram presas na manhã desta quarta-feira (18) durante uma operação da Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais) contra roubos de carga, em Campinas. 

Segundo a corporação, a ação de hoje cumpre seis mandados de busca e três de prisão nos bairros: 

- Vila Formosa
- Jardim Santa Rosa
- Parque Jambeiro
- Jardim Conceição 


Além disso, a Deic ainda tem um mandado no Jardim Engenho, em Monte Mor. De acordo com os policiais, durante o cumprimento de mandados, um suspeito de 40 anos conseguiu fugir e outro de 42 anos não foi localizado. Até o momento, ambos seguem foragidos

Um homem, de 23 anos, foi detido em sua residência. Ele teve a prisão temporária decretada e foi encaminhado para a cadeia Pública do 2º DP (Distrito Policial) de Campinas. 

A namorada de um dos investigados, de 25 anos, também foi presa em flagrante por porte de arma e receptação de carga roubada. Ela foi encaminhada à cadeira de Paulínia. Ambos seguem à disposição da Justiça.  
 
A corporação ainda relatou que parte da carga de cigarros foi recuperada durante o cumprimento de um mandado de busca em uma casa no Jardim Santa Rosa. Uma pistola 9 mm também foi apreendida no local.

ROUBOS DE CARGA 

Segundo informou a Deic, os roubos aconteciam quando os veículos de cargas de cigarros saíam para serem entregues. Neste momento, os motoristas eram abordados e rendidos pela quadrilha, que levava a carga. O motorista era solto após o transbordo do conteúdo do veículo. 

Outros veículos com cargas diversas também foram abordados e os roubos seguiam o mesmo modo de operação. Além das prisões, a corporação pretende apreender armas utilizadas nos crimes e recuperar cargas roubadas. 

As investigações começaram há cinco meses. Com os cumprimentos dos mandados de busca e de prisão, a Deic segue com as investigações.

Mais Notícias

Mais Notícias