Trio é preso com 12 armas sem registro em Campinas Trio é preso com 12 armas sem registro em Campinas

Trio é preso com 12 armas sem registro em Campinas

Segundo os presos, armas faziam parte de coleção, mas policiais descartam possibilidade devido a má conservação delas

Armas estavam guardadas dentro de uma caixa (Foto: Polícia Militar)

Dois homens e uma mulher foram presos na noite desta terça-feira (2), em Campinas, por porte ilegal de armas. Com eles, foram localizadas 12 armas de fogos sem registro.  

De acordo com policiais do Baep (Batalhão de Ações Especiais da Polícia) que atenderam a ocorrência, grande parte das armas apreendidas eram de modelo antigos e de grande calibre, entre elas garruchas da década de 60, com a numeração raspada. 

Os agentes também apreenderam uma espingarda calibre 12, diferentes tipos de munição, além de um carro fruto de roubo. Segundo a polícia, as armas estavam guardadas em uma caixa e foram encontradas após uma abordagem de um suspeito. 

'Abordamos um indivíduo com atitude suspeita, que não portava documentação. A equipe achou por bem se descolocar até a residência dele, para se certificar de que o homem não era um procurado da Justiça. Ao chegar na residência, os agentes avistaram um veículo produto de roubo, e dentro da casa encontramos uma caixa com 10 armas de fogos', detalhou o sargento Mauricio Antônio Taberti, que atendeu a ocorrência. 

Ainda segundo o Baep, um dos presos já tinha passagem na polícia por tráfico de drogas e receptação. Para a polícia, os presos alegaram que as armas faziam parte de uma coleção, no entanto, a suspeita é que elas eram alugadas para criminosos. 

'O colecionador de armas tem um extremo cuidado com elas, e toda a documentação é regularizada. No caso desse indivíduo, as armas estavam jogadas dentro de uma caixa, o que demonstra para nós que realmente essas armas não era para coleção e sim para a prática de crimes', acrescentou o sargento. 

As armas foram apreendidas e os presos levados para o 1° Distrito Policial de Campinas, onde permanecem à disposição da Justiça.

Mais Notícias

Mais Notícias