Vídeo: idosa é furtada em hospital de Campinas Vídeo: idosa é furtada em hospital de Campinas

Vídeo: idosa é furtada em hospital de Campinas

Mulher esperava por atendimento médico na unidade e percebeu que o celular não estava mais na bolsa

Idosa é furtada em hospital de Campinas (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)
Uma idosa de 62 anos de idade foi furtada, na tarde desta sexta-feira (29) no Hospital Irmãos Penteado, em Campinas. Câmeras de segurança da unidade flagraram a ação do suspeito. Veja o vídeo mais abaixo  

Nas imagens, é possível ver que um homem passa pelo corredor onde está sentada a vítima, que acompanhava a filha, que se sentia mal. Instantes depois, ele volta e encosta na parede ao lado delas. Ele olha ao redor, tentando disfarçar, e se aproxima aos poucos das duas, sem que elas percebam. É então que ele pega o celular de dentro da bolsa e sai.
   


LEIA MAIS 

Vacinação de profissionais da saúde contra a meningite C começa na segunda, em Campinas

Campinas terá novas linhas de ônibus nas regiões de Viracopos e Vida Nova  

Saúde de Campinas confirma mais quatro casos de varíola dos macacos

Segundo outra filha da senhora, irmã da que esperava atendimento com a mãe, a idosa ainda não registrou boletim de ocorrência porque seguia no hospital até o momento da publicação desta notícia. A senhora deve oficializar o furto quando sair da unidade.

A assessoria de imprensa do Hospital Irmãos Penteado informou que o local onde aconteceu o furto não pertence à unidade, mas a um serviço terceirizado.

MAIS VIOLÊNCIA

Um guarda municipal de folga foi atingido por um tiro nas costas após reagir a um assalto no bairro Vila União, em Campinas.

O caso aconteceu no final da manhã desta sexta-feira (29). De acordo com a corporação, o disparo pegou de raspão e o guarda está em bom estado clínico.


Segundo a Guarda, a vítima estava dentro de um carro estacionado quando foi abordada por um motociclista armado. Durante a ação, o suspeito teria exigido a aliança e o celular do guarda.

Quando o suspeito pediu para o homem levantar a camisa, ele teria percebido que se tratava de um agente e houve uma troca de tiros. De acordo com a corporação, o suspeito fugiu a pé e deixou a moto no local.

Até o momento desta publicação, ninguém havia sido preso. O caso foi registrado no 6º DP (Distrito Policial) de Campinas, no Jardim Campos Elíseos.

FEMINICÍDIO EM CAMPINAS

O homem de 50 anos que foi preso por matar a facadas a companheira na tarde desta quinta (28), em Campinas, teve a prisão em flagrante convertida em preventiva nesta sexta-feira (29). A informação foi confirmada pelo TJ (Tribunal de Justiça).

O crime aconteceu na residência do casal, localizada na Rua Pirajá, no DIC I, região do distrito do Ouro Verde. Ivani Carvalho de Souza, de 58 anos, chegou a ser socorrida, mas o médico do Corpo de Bombeiros confirmou a morte ainda no imóvel.


Identificado como José Gilberto dos Santos, o criminoso acertou a vítima na região do peito. Ele foi preso em flagrante e encaminhado para a 2ª DDM (Delegacia de Defesa da Mulher). Segundo a polícia, José já tinha cumprido pena anteriormente por homicídio.

De acordo com vizinhos ouvidos pelos policiais militares no local do crime, as brigas entre o casal eram frequentes e José Gilberto ingeria muita bebida alcoólica. A Polícia Civil investiga o caso.

Mais Notícias

Mais Notícias