Aguarde...

cotidiano

Por causa de greve, Campinas Decor não abre neste domingo

Mostra preferiu fechar visitação ao público por causa da crise de combustível

| ACidadeON/Campinas

  

Fazenda Argentina terá pisos recuperados, telhado consertado e reforma na parte interior. Créditos: Divulgação/Campinas Decor

A greve dos caminhoneiros e a crise de abastecimento de combustível fizeram com que a organização do Campinas Decor cancelasse a visitação neste domingo (27). Em nota oficial, o evento informou que não abrirá ao público por causa das dificuldades geradas pela paralisação.

A mostra começou 42 ambientes internos e externos que irão compor a 23ª edição da principal mostra de arquitetura, decoração e paisagismo do interior paulista.  

LEIA MAIS
Recap diz que normalização de postos deve durar 10 dias
Operação do Exército na Replan garante combustível para Viracopos
Estado vai suspender cobrança de eixo suspenso nos pedágios
Grupo se junta a caminhoneiros e faz manifestação de apoio a greve
Oficial de Justiça negocia liberação de botijões de gás com grevistas

A feira começo no dia 27 de abril e vai até o dia 10 de junho. O cenário deste ano é a Fazenda Argentina. São 76 expositores, mostrando as tendências de design e arquitetuta.

Com uma área total de 1,4 milhão de metros quadrados, a Fazenda Argentina foi adquirida pela Unicamp em 2014 para planos de expansão da universidade. Após a revitalização que será realizada pela organização e expositores, a área será utilizada como sede provisória do Museu de Artes Visuais da Unicamp, além de abrigar um espaço para eventos culturais.

Será instalado ainda um escritório para elaboração do plano diretor da área.   

Mais do ACidade ON