ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

PM vai apreender carro e dono destrói o veículo

O caso ocorreu próximo ao Terminal Campo Grande. Ele quebrou os vidros, as lanternas e ainda entortou as portas

| ACidadeON/Campinas

Proprietário preferiu destruir o carro antes da polícia fazer a apreensão (Foto: Denny Cesare/Código19)

Um motorista resolveu destruir o próprio carro na manhã desta terça-feira (10), após tentar fugir de uma blitz da Polícia Militar na região do Campo Grande, em Campinas. Ele estava sem CNH e com documentos atrasados, além de dever IPVA. Segundo a Polícia Militar, ele foi parado e resolveu quebrar o carro um Corsa Sedan já que o veículo seria recolhido ao pátio.

De acordo com a PM, o motorista, que não teve o nome divulgado, passava pela Avenida John Boyd Dunlop, próximo ao Terminal Campo Grande, quando viu um comando da PM no local e tentou desviar para evitar ser parado pelos policiais. Uma equipe da Rocam (Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas) percebeu a tentativa de fuga e saiu atrás do motorista.

Ele teve que parar e os policiais pediram os documentos e viram que estava com vários problemas de atraso e falta de pagamento do imposto. Revoltado e sabendo que o carro seria recolhido para o pátio, o homem, segundo os policiais, começou a destruir o veículo. Ele quebrou os vidros, as lanternas e ainda entortou as portas.

Para os policiais disse: "já que o carro não vai ficar comigo também não vai ficar para o Estado". Depois disso ele foi embora. O carro será recolhido para o pátio e, caso resolva recuperar, o proprietário terá que pagar todos os débitos, multas, além da estadia no local. 


Veja também